Salvador: Na folia do Bairro Rio Vermelho, Orquestras se despedem do Carnaval 2019

Orquestra Paulo Primo apresenta show durante Carnaval 2019 de Salvador.
Orquestra Paulo Primo apresenta show durante Carnaval 2019 de Salvador.
Orquestra Paulo Primo apresenta show durante Carnaval 2019 de Salvador.
Orquestra Paulo Primo apresenta show durante Carnaval 2019 de Salvador.

O toque do berimbau e o repique do pandeiro embalou o Hino Nacional, na abertura da última noite do Palco das Orquestras, no Largo da Mariquita, no Rio Vermelho, em Salvador. A Orquestra Paulo Primo foi a primeira a se apresentar com os convidados Gerônimo, Matilde Charles e Cida Martinez. Vestidos de verde, os músicos tocaram canções que exaltam Salvador e o Brasil, seguidas pelo samba e ijexá, como “São Salvador”, “Aquarela do Brasil”, “Não deixe o samba morrer” e “É D’oxum”.

Na plateia, moradores, pais acompanhados de crianças e apreciadores da MPB curtiam cada momento com samba no pé e sorriso no rosto. A técnica de enfermagem aposentada Maria das Graças Carvalho, de 69 anos, não parava de dançar. “Isso está maravilhoso. Eu moro há 65 anos no bairro e só agora estou tendo a oportunidade de apreciar esses shows tão bons no Carnaval”, afirmou.

Na festa houve espaço também para pessoas com deficiência, que aproveitaram a tranquilidade do espaço para apreciar canções que fizeram história. Foi o caso da cadeirante Maria Eliza, de 65, que pôde relembrar os antigos carnavais. “Esse Carnaval do Rio Vermelho é um presente. São músicas bonitas, gostosas e aqui as pessoas brincam sem violência”, disse.

Primeira convidada a subir ao palco, Matilde Charles fez questão de ressaltar o quão importante é dar espaço também para os clássicos da MPB no Carnaval. “A orquestra traz essas músicas da MPB que fazem parte da nossa cultura e que casam perfeitamente, porque o Carnaval é a festa da diversidade. É a primeira vez que faço um trabalho com orquestra e estou apaixonada”, contou.

Troca de emoções – Para Gerônimo Santana, poder cantar com a Orquestra Paulo Primo em um bairro tão simbólico como o Rio Vermelho é uma troca de emoções: “O público daqui sempre espera por algo que o faça feliz. O Rio Vermelho é o umbigo da civilização e é muito bom se apresentar para essas pessoas”.

A noite ainda contou com as apresentações das orquestras Fred Dantas e Zeca Freitas. Também já passaram pelo palco, desde a última sexta, as orquestras Sérgio Benutti e Afro-Sinfônica.

A programação especial de três dias de Carnaval no Rio Vermelho, sempre abrindo com um bailinho infantil, foi preparada pela Prefeitura, por meio da Empresa Salvador Turismo (Saltur), e agradou o público que prefere um Carnaval mais tradicional e tranqüilo, principalmente famílias com crianças e idosos.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 115091 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.