Em nota, Governo dos EUA diz que reunião entre Donald Trump e Kim Jong-un foi proveitosa

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Presidentes Donald Trump e Kim Jong-un, durante encontro no Vietnã, em 27 de fevereiro de 2019.
Presidentes Donald Trump e Kim Jong-un, durante encontro no Vietnã, em 27 de fevereiro de 2019.

Após o retorno do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, do segundo encontro com o líder norte-coreano, Kim Jong-un, em Hanói, no Vietnã, a Casa Branca postou hoje (03/03/2019) informou hoje em, seu site, que a reunião foi proveitosa. As conversações entre os dois líderes duraram três dias, mas não resultaram em acordo sobre os temas tratados – desnuclearização e conceitos econômicos.

“[Foi] ótimo voltar do Vietnã, um lugar incrível. Tivemos negociações muito substanciais com Kim Jong-un. Sabemos o que querem e eles sabem o que devemos ter. Relacionamento muito bom, vamos ver o que acontece”, afirmou Trump, de acordo com o site da Casa Branca.

Trump e Kim Jong-un se reuniram nos últimos dias 27 e 28. Houve um jantar e reunião privada. Inicialmente, os objetivos da reunião giravam em torno da desnuclearização, a suspensão de sanções e alternativas para acordos bilaterais.

Há três dias, o governo norte-americano informou sobre a falta de resultados da reunião.

“Os dois líderes discutiram diversos meios para avançar a desnuclearização e conceitos econômicos. Nenhum acordo foi fechado desta vez, mas suas respectivas equipes esperam se encontrar no futuro.”

Em nota, postada no Twitter, a Casa Branca informa que o presidente Trump pretende aprofundar os relacionamentos com parceiros comerciais, sem sacrificar os trabalhadores e indústrias norte-americanas.

Sobre Carlos Augusto 9653 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).