Faturamento do setor agropecuário cresce no Brasil

Produtos agrícolas tem cotação valorizada no mercado internacional.
Produtos agrícolas tem cotação valorizada no mercado internacional.
Produtos agrícolas tem cotação valorizada no mercado internacional.
Produtos agrícolas tem cotação valorizada no mercado internacional.

Tradicionalmente, o agronegócio brasileiro é um dos setores mais representativos para a economia do País, respondendo, atualmente, por aproximadamente 23% do PIB nacional. E em 2018, o potencial de negócios do setor novamente foi destaque. Segundo dados da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), somente no ano passado o faturamento, apenas no que refere às atividades de produção, chegou a R$ 600,3 bilhões, um aumento de 3,1% sobre 2017.

De acordo com a entidade, a principal responsável por isso foi a receita do segmento agrícola, que subiu 4,4% em relação ao ano anterior e alcançou a quantia de R$ 393,8 bilhões. As maiores altas foram registradas no trigo, que cresceu 57,7%, no algodão em pluma (+ 51%), no cacau (+ 46,1%), no café arábica (+ 23,4%), na soja (+ 17,6%) e na batata-inglesa (+ 15,1%).

Mas, para atingir esse resultado, um fator é essencial, o investimento em novas tecnologias que aprimorem cada vez mais o processo produtivo e o tornem ainda mais efetivo. Especialista neste mercado, a TSG Tecnal é uma das empresas que apostam em inovações para o setor agropecuário, como o Roller Belt Conveyor (RBC), um novo transportador de grãos que apresentará aos players do segmento durante a Intermodal South América 2019, o maior evento de logística, transporte de cargas e comércio exterior da América Latina, que acontece de 19 a 21 de março de 2019, em São Paulo (SP).

“O RBC é um equipamento moderno, de alta performance, composto por correia enclausurada com capacidade para transportar até três mil toneladas por hora sem dispersão de pó no ambiente, com baixo nível de ruído e grande preservação da integridade dos grãos. Com um design robusto, foi projetado para trabalhos contínuos, com longa vida útil e baixa manutenção”, destaca o gerente industrial da marca, Claudemir Osório.

Movimentação de Materiais – Assim como o mercado agro, todos os demais segmentos produtivos e industriais do País encontram na Intermodal as últimas novidades em produtos e soluções para a movimentação interna de materiais. Quem também reserva para o evento seu último lançamento neste sentido é a Beumer Latinoamericana, que exibirá o novo sistema de classificação e distribuição de mercadorias, o Beumer Group Line Sorter, aos profissionais do setor.

Segundo o gerente de vendas da companhia, Fábio Palhares, o equipamento alia a tecnologia cross belt com uma capacidade média de classificação, de até 8.000 produtos/hora (podendo ir, em aplicações especiais, para até 10.000 volumes/hora). “Além disso, sua construção modular oferece flexibilidade para uma utilização ideal do espaço, assim como escalabilidade para um crescimento futuro”, afirma.

O executivo acrescenta ainda que outra vantagem do BG Line Sorter é a separação segura e precisa de itens de diferentes formatos e tamanhos, como grandes envelopes, sacolas seladas, mercadorias frágeis e produtos de alta fricção. “Tudo isso em uma velocidade que pode ir até 3 m/s (o equivalente a 10,8 km/h), com uma única linha de alimentação, além de componentes com pouco desgaste que garantem a alta disponibilidade do sistema”, conclui.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112842 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]