Bahia está em 2º lugar entre os estados com maior defasagem em número de Defensores Públicos no País, segundo IPEA

Bahia está em 2º lugar entre os estados com maior defasagem em número de Defensores Públicos no País, segundo IPEA.
Bahia está em 2º lugar entre os estados com maior defasagem em número de Defensores Públicos no País, segundo IPEA.
 Bahia está em 2º lugar entre os estados com maior defasagem em número de Defensores Públicos no País, segundo IPEA.
Bahia está em 2º lugar entre os estados com maior defasagem em número de Defensores Públicos no País, segundo IPEA.

A Defensoria Pública do Estado da Bahia (DPE/BA) realizará a ‘posse popular’ dos novos defensores, nesta sexta-feira (15/02/2019), durante mutirão que ocorrerá na Estação Nova Lapa, a partir das 08h30. Mas, apesar do incremento, ainda é grande o déficit no interior, justamente onde a população mais carece dos serviços do órgão.

De acordo com levantamento do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), a Bahia ocupa o 2º lugar no ranking dos estados com maior defasagem neste setor. Atualmente, há apenas um defensor para cada 55 mil habitantes, o que acarreta no acúmulo de processos e consequentemente na resolução dos conflitos. Em toda Bahia há apenas 345 defensores, para todo o estado.

Neste mês de fevereiro de 2019 está prevista a nomeação, nos próximos dias, de um novo Defensor Público Geral. A escolha, que será feita pelo governador Rui Costa, pode ser crucial para o futuro do órgão. Se por um lado, existem candidatos à pasta que tem por prioridade aumentar o número de Defensores Públicos, expandindo a Defensoria Pública para o interior – vale salientar que existem ainda cerca de 90 aprovados, no último concurso de 2017, ainda à espera de convocação –; outros priorizam equiparar subsídios atuais aos dos Promotores Públicos. Resta saber qual será a escolha do Governador.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109706 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]