15 anos do Centro de Convivência para idosos Dona Zazinha é comemorado na Câmara Municipal de Feira de Santana

Cassilda Miranda: são 15 anos de história e de muita luta, realizações e felicidades.
Cassilda Miranda: são 15 anos de história e de muita luta, realizações e felicidades.
Cassilda Miranda: são 15 anos de história e de muita luta, realizações e felicidades.
Cassilda Miranda: são 15 anos de história e de muita luta, realizações e felicidades.

Em clima de comemoração pelos 15 anos de existência do Centro de Convivência para Idosos Dona Zazinha Cerqueira, equipamento da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social de Feira de Santana (SEDESO). As representantes da instituição Tilda Brasileiro, Cassilda Miranda e Monique Alcântara fizeram uso da tribuna livre, na Câmara Municipal, na manhã desta quarta-feira (20/02/2019) para explanar sobre as atividades desenvolvidas pelo centro, suas necessidades e sobretudo, sua relevância na sociedade feirense.

Emocionada, a diretora do equipamento Tilda Brasileiro, agradeceu a toda equipe responsável pelo funcionamento do centro e destacou as atividades desenvolvidas por ele. “São 15 anos de história e de muita luta, realizações e felicidades. Os nossos idosos não são mais marginalizados. Feira de Santana é uma cidade que olha para pessoas da terceira idade. Estamos com 200 vagas abertas para novos participantes ingressarem gratuitamente nas oficinas voltadas para a promoção do bem estar e elevação da autoestima dos idosos”, informou a responsável.

A presidente do Conselho Municipal do Direito da Pessoa Idosa, Cacilda Miranda, teceu elogios  a  Ildes Ferreira, secretário Municipal de Desenvolvimento Social e a Maria Clécia Vasconcelos, Delegada de Polícia Civil, titular da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (DEAM). “Só tenho a parabenizar nossos companheiros de luta que se doam em prol da causa dos idosos. Estamos tentando implantar uma delegacia que resguarde os direitos dos idosos. Tenho fé que iremos conseguir”, agradeceu a presidente.

Ao finalizar, Monique de Alcântara, representante do Núcleo de Enfrentamento à Violência Contra a Pessoa Idosa. Informou que o núcleo surgiu em 1º de agosto de 2018, em parceria da Prefeitura Municipal de Feira de Santana com Ministério Público e Ministério dos Direitos Humanos. “O objetivo é prevenir e combater qualquer tipo de violação dos direitos da pessoa idosa em situação de vulnerabilidade social. Acolhemos os fragilizados, e oferecemos orientação e palestras”, pontuou.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 110958 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]