Salvador: Festa na Boca do Rio contabiliza 320 ocorrências policiais

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
A Polícia Civil registrou nos cinco dias do Festival da Virada, evento realizado na Boca do Rio, 320 ocorrências policiais. Os roubos e furtos de celulares figuram entre os principais casos, tendo uma média de 40 registros por dia.
A Polícia Civil registrou nos cinco dias do Festival da Virada, evento realizado na Boca do Rio, 320 ocorrências policiais. Os roubos e furtos de celulares figuram entre os principais casos, tendo uma média de 40 registros por dia.
A Polícia Civil registrou nos cinco dias do Festival da Virada, evento realizado na Boca do Rio, 320 ocorrências policiais. Os roubos e furtos de celulares figuram entre os principais casos, tendo uma média de 40 registros por dia.
A Polícia Civil registrou nos cinco dias do Festival da Virada, evento realizado na Boca do Rio, 320 ocorrências policiais. Os roubos e furtos de celulares figuram entre os principais casos, tendo uma média de 40 registros por dia.

A Polícia Civil registrou nos cinco dias do Festival da Virada, evento realizado na Boca do Rio, em Salvador, 320 ocorrências policiais. Os roubos e furtos de celulares figuram entre os principais casos, tendo uma média de 40 registros por dia. Outras 70 registros foram feitos, a maioria de perda é furto de documentos.

Três portais de abordagens foram instalados nas entradas da festa, onde os policiais apreenderam alguns objetos, como facas, garfos e estiletes. Os principais acessos ao bairro da Boca do Rio, pontos de ônibus e estações de transbordo também tiveram o policiamento reforçado.

No total foram empregados 2.500 profissionais que além de atuarem na prevenção de crimes nos eventos, realizaram o controle da entrada de objetos considerados perigosos, com o auxílio de detectores de metal.

O caso de maior relevância registrado foi a prisão de Vicente Paixão da Silva, apresentado ao posto policial instalado dentro da Arena Daniela Mercury, por guardas municipais. Ele é acusado de esfaquear cinco pessoas no evento. Informações preliminares dão conta de que ele tenha escondido a arma antes do início da vistoria realizada pela PM.

Um esquema de policiamento ostensivo foi montado com 82 (oitenta e duas) patrulhas/dia na área interna do evento e nos portais, acompanhadas de unidades especializadas, como o Esquadrão de Polícia Montada e do Águia no perímetro externo. Além disso, a corporação contou com drones e a atuação do canil do Batalhão de Choque no farejamento de entorpecentes e explosivos.

Já a Polícia Civil instalou uma Delegacia Especial de Área dentro da arena da festa, além do reforço dos efetivos das delegacias da Boca do Rio, Pituba e Itapuã).

“Sem dúvidas o trabalho no réveillon é uma prévia para o Carnaval, mais um evento do calendário que conta com a imprescindível presença das forças de segurança para terminar bem”, reforçou o secretário da SSP, Maurício Barbosa.

Bombeiros realizam mais de 90 atendimentos

Noventa e três atendimentos. Esse foi o número de ocorrências atendidas pelo Corpo de Bombeiros, durante os cinco dias de festa no Festival Virada Salvador 2019, na capital baiana. Embriaguez, traumas e desmaios foram as ocorrências com maior frequência.

“Cerca de 30 Bombeiros Militares trabalhando na festa diariamente. As guarnições ficaram nos postos elevados, circulando pela festa e também na nossa base com ambulância e viatura de combate a incêndio, de prontidão, dentro da Arena. Além da atividade ostensiva, também realizamos atividades preventivas”, explicou o major BM Ramon Dieggo.

Distribuição de pulseirinhas – Pelo menos 750 pulseirinhas foram distribuídas durante a festa na capital. Elas servem para identificar as crianças com os nomes, assim como dos responsáveis, além de telefone para contato. As pulseiras são reutilizáveis, e podem ser usadas várias vezes, inclusive em ambientes com água como praias ou piscinas sem serem danificadas.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113537 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]