Nos dois últimos meses, movimentação de passageiros no Aeroporto de Feira de Santana aumentou em 51%

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Fachada do Aeroporto de Feira de Santana (Aeroporto Governador João Durval Carneiro).
Fachada do Aeroporto de Feira de Santana (Aeroporto João Durval Carneiro). Ampliação de voos extras pode contribuir para atração de novos negócios para o município.
Fachada do Aeroporto de Feira de Santana (Aeroporto Governador João Durval Carneiro).
Fachada do Aeroporto de Feira de Santana (Aeroporto João Durval Carneiro). Ampliação de voos extras pode contribuir para atração de novos negócios para o município.

O aeroporto Governador João Durval Carneiro, em Feira de Santana, está operando com horários de voos extras, conectando com o Aeroporto de Viracopos, em Campinas, até o dia 3 de fevereiro de 2019. Os aviões saem de São Paulo com destino ao município, sede da Região Metropolitana de Feira de Santana (RMFS), situado na região do Portal do Sertão. A frequência de viagens acontece nas segundas e sextas-feiras, com partida às 9:25 horas, em aeronaves com capacidade para receber até 118 passageiros. Os aviões estão com 80% de ocupação.

O aumento no número de voos ajuda no desenvolvimento econômico da segunda maior cidade baiana, principalmente no setor de negócios. Em comparação aos últimos dois meses, a quantidade de passageiros aumentou em 51% no aeroporto de Feira de Santana. Atualmente, o equipamento já realiza viagens regularmente com destino a Belo Horizonte, em Minas Gerais.

Sobre Carlos Augusto 9652 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).