Movimento Cultural Viva Irará promove homenagem às ceramistas do município

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Movimento promove homenagem às Ceramistas, categoria que gera renda e marca a cultura da cidade.
Movimento promove homenagem às Ceramistas, categoria que gera renda e marca a cultura da cidade.
Movimento promove homenagem às Ceramistas, categoria que gera renda e marca a cultura da cidade.
Movimento promove homenagem às Ceramistas, categoria que gera renda e marca a cultura da cidade.

O Movimento Cultural Viva Irará participa, na próxima quarta-feira (23/01/2019), de uma das mais tradicionais festividades do município localizado no território de identidade Portal do Sertão.  Durante a festa de Nossa Senhora da Purificação, padroeira de Irará, celebrada há mais de 100 anos, o movimento promove este ano uma homenagem às Ceramistas, categoria que gera renda e marca a cultura da cidade.

 A programação terá início às 16 horas, na sede do Viva Irará (Rua Pedro de Lima, 78 Centro – Irará/BA) e conta com apresentações culturais de Charanguinha da Escola de Música Aniceto Azevedo da Cruz, capoeira e samba de roda.  A escolha em homenagear às ceramistas iraraenses, como Dona Onorina, Ritinha, Dilza, Lucia, Leninha, Margarida e Ana, é um reconhecimento à importância de seus saberes, que são transmitidos de geração a geração. A atividade tem apoio institucional da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA).

As ceramistas de Irará que, com sua arte, criam objetos únicos, úteis e belos, são artesãs que modelam com suas mãos as formas gordas e generosas dos porrões, potes, caborés, panelas, travessas e muitos outros objetos que usam no cotidiano doméstico e com os quais atendem às necessidades da população regional. A produção está concentrada em sua quase totalidade na mão-de-obra feminina, que emprega como matéria-prima a argila extraída dos barreiros locais e o tauá (pigmento mineral de coloração vermelha) com que reveste as peças antes da queima em fornos de lenha.

Sobre o Movimento

O Movimento Cultural Viva Irará, é uma OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público) situada no município de Irará-Ba. Começou a trabalhar no segmento cultural iraraense em 12 de setembro de 2002.  Entre outros trabalhos, o movimento atuou na organização das “Domingueiras de Irará” e elaborou, em parceria com o SEBRAE e organizações locais, o Plano Municipal de Desenvolvimento Sustentável. Além disto, o Viva organiza Saraus Literários, promove eventos e exposições e realizou algumas pesquisas sobre a cultura popular local. O Movimento mantém uma Biblioteca no Casarão onde funciona a sede.

Confira a Programação

Recepção aos convidados, às 16 horas

Cerimônia de abertura, às 16:30 horas

Composição da mesa

Hino Nacional (tocado por um capoeirista – berimbau) – Formado Mangabeira

Homenagem – Exposição Fotográfica Mãos que transformam o Barro, às 17 horas

Pronunciamento das autoridades, às 17:20 horas

Apresentações culturais, às 18 horas

Charanguinha da Escola de Música Aniceto Azevedo da Cruz

Grupo de Capoeira

Grupo de Samba de Roda

Ajeum (servido durante as apresentações), às 18 horas

Agenda

O que: Homenagem às ceramistas iraraenses – Movimento Cultura Viva Irará

Quando: 23 de janeiro, às 16 horas

Onde: Rua Pedro de Lima, 78 Centro – Irará/BA (Sede do Viva Irará)

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113734 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]