Coluna de Antônio José Larangeira de 15 de janeiro de 2019

O secretário de Saúde do Estado Fabio Villas Boas, continua, segundo o governador em Feira
O secretário de Saúde do Estado Fabio Villas Boas, continua, segundo o governador em Feira
Arquiteta Ana Cristina Monteiro, responsável por projetos de porte na cidade.
Arquiteta Ana Cristina Monteiro, responsável por projetos de porte na cidade.
O empresário Carlos Augusto Silva e Luci, socialmente.
O empresário Carlos Augusto Silva e Luci, socialmente.
O secretário de Saúde do Estado Fabio Villas Boas, continua, segundo o governador em Feira
O secretário de Saúde do Estado Fabio Villas Boas, continua, segundo o governador em Feira

Razões pela UEFS

Ensino gratuito e de qualidade, política de permanência estudantil, programas de intercâmbio, bolsas de monitoria e indicadores de destaque no cenário nacional de ensino superior, são as razões para escolher a Universidade Estadual de Feira de Santana, para quem quer estudar. Quem tiver interesse em disputar umas das 968 vagas para os cursos de graduação, deve ficar atento ao período de inscrição do Sistema de Seleção Unificada (SISU): 22 a 25 de janeiro. Ao todo, os candidatos poderão escolher entre 27 opções de cursos nas áreas de Tecnologia, Exatas e Ciências (Engenharia Civil, Engenharia da Computação Engenharia de Alimentos, Matemática, Física – Licenciatura e Bacharelado, Química); Ciências Humanas e Filosofia(Administração, Contábeis, Ciências Econômicas, Filosofia, História, Geografia, Pedagogia, Direito, Psicologia); Letras e Artes (Letras Vernáculas, Letras c/ Inglês, Letras c/ Francês, Letras c/ Espanhol, Música); Ciências Naturais e da Saúde (Ciências Biológicas – Licenciatura e Bacharelado, Educação Física, Enfermagem, Odontologia, Agronomia).

Sem crédito

Temos recebido reclamações contra a Rede G. Barbosa, de clientes, em atraso, todavia mesmo liquidando o débito, tem seu crédito cancelado. O fato vem prejudicando a muita gente, que com o credito suspenso não poderá comprar nas suas lojas e empresas do grupo. As pessoas prejudicadas já estão se encaminhando ao Procon ou mesmo à Justiça.

Reclames

Vários balneários existentes, próximos à Feira de Santana, tem sido sustentados pelo grande número de pessoas que residem nesta região.  Com a frequência grande de feirenses, estes tem reclamados contra uma série de problemas, como por exemplo em Cabuçu e adjacências, que possuem acessos ruins, a falta d´agua nas residências, estradas péssimas e praias sujas. Gostaria de ver de perto estes problemas, todavia não tenho tido a oportunidade, aliás somente uma vez estive por lá. Como os reclames são grandes resolvi atender os leitores. Com a palavra as autoridades.

Você é o que come

Você já deve ter ouvido a frase “você é o que você come!” e ela nunca fez tanto sentido quando agora, no mundo moderno. Pesquisas apontam que o número de pessoas com sobrepeso no país passou de 51,1%, em 2010, para 54,1% em 2014, segundo relatório da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultara (FAO). O mesmo documento apronta que mais de 20% da população está propensa a obesidade, com mais casos entre as mulheres (22,7%).  Para piorar, dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) mostram o Brasil em primeiro lugar quando o assunto é ansiedade, com 9,3% da população atingida. E não para por aí, o país está segundo lugar quando o assunto é estresse, de acordo com levantamento feito pela International Stress Management Association. O que muitos não sabem, é esses transtornos podem estar dificultando, e muito, sua perda de peso e melhor qualidade de vida. Preocupada com tais informações, a nutricionista Aline Quissak passou meses pesquisando como os alimentos podem ajudar nesse sentido, a fim de reiniciar o organismo de quem sofre com estresse ou ansiedade e precisa perder peso. O resultado será lançado este mês, pois serão 47 dias para você aprender todos os segredos da nutrição e liberar a sua melhor versão, começando este ano bem e saudável.

Ação

O Ministério Público Federal na Bahia (MPF/BA) ajuizou ação civil pública contra o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e a União por omissão no processo de titulação de terras dos remanescentes de quilombos da comunidade Monte do Recôncavo – município de São Francisco do Conde (BA). Segundo o MPF, nem os primeiros estudos necessários para a regularização, concretizada em seis etapas, foram iniciados. A comunidade foi certificada pela Fundação Cultural Palmares como remanescente de quilombo em 13 de março de 2007 e, em 2014, deu-se início à tramitação do processo para regularização do território junto ao Incra. No entanto, de acordo com as investigações, o instituto vem se omitindo desde 2015, alegando ausência de recursos financeiros e funcionais.

Secretario

Quando da visita a Feira de Santana, do governador Rui Costa, inquirido pelo deputado Carlos Geilson, que participou da entrevista na condição de radialista, lançou a pergunta sobre o seu secretariado. O mesmo disse que Fábio Vilas-Boas, que estava inclusive sentado ao seu lado naquele momento, vai continuar no cargo de secretário estadual da saúde, e que Jerônimo Rodrigues também. Sobre próprio Geilson, o governador nada adiantou.

Sobre Antonio José Larangeira 3178 Artigos
Antonio José Larangeira nasceu em 11 de janeiro de 1945, é natural de Santo Amaro da Purificação (BA), é formado em Administração, pela Faculdade Anísio Teixeira (FAT). Atua como jornalista profissional, com registro nº 514 (SINJORBA/FENAJ) e publica coluna diária nos jornais Grande Bahia, Pátria Latina e Tribuna da Bahia. E-mail: ajlarangeira2@hotmail.com.