Julio Caldas realiza apresentação no Festival Bahia Jazz, em Feira de Santana

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Júlio Caldas, multi-instrumentista e compositor baiano.
Júlio Caldas, multi-instrumentista e compositor baiano.

O conceituado multi-instrumentista e compositor baiano Júlio Caldas é uma das atrações do Festival Bahia Jazz, nesta sexta-feira (14/12/2018), a partir das 21 horas, na Cúpula do Som, em Feira de Santana. Ao lado de Flaviano Gallo (bateria), Rogério Ferrer (acordeon) e Jonas Costa (baixo), o músico apresentará um repertório de blues e derivados do soul, country e rock.

Além de tocar diversos instrumentos de corda, como guitarra, baixo, bandolim e viola e de se dedicar à pesquisa dos instrumentos populares de cordas, Julio Caldas é produtor do Circuito Guitarra Baiana, da Mostra de Guitarra Baiana e do Trio de Guitarra Baiana, realizados desde 2009. Também produziu os álbuns: Abre Caminho, de Mariene de Castro, vencedor do Prêmio TIM de Música (2005), na categoria Melhor Disco Regional; Lua Bonita, de Socorro Lira, vencedor do Prêmio de Música Brasileira (2012), na categoria Música Regional; e Terreiros, de Roque Ferreira, indicado ao mesmo prêmio, na categoria Samba (2016). Foi premiado com o Troféu Dodô e Osmar como melhor instrumentista de guitarra baiana, em 2015 e indicado ao Troféu Caymmi como artista revelação. Por duas vezes foi finalista do Festival de Música Educadora FM.

Julio Caldas possui cinco discos lançados. O mais recente, Blues Baiões e Psicodelia, mistura blues, música nordestina e momentos psicodélicos em canções compostas pelo músico, em parceria com Bule Bule, Emílio Cunha, Cláudio Diolu, Diro Oliveira e Illa Benício. A notoriedade do seu trabalho foi destacada durante as apresentações em eventos importantes, como o Percpan, Ano Brasil na França (FR), Mercado Cultural (BA), Festival de Jazz e Blues de Guaramiranga (CE), Festival da Música Instrumental do BNB (CE/PB), Festival de Música Instrumental da Bahia (BA), Festival de Inverno de Igatu (BA), Festival de Inverno (Vitoria da Conquista), Festival de Lençóis, Projeto Pixinguinha (BA, SE, PE, CE) entre outros.

Festival Bahia Jazz – Promovido pela Cúpula do Som, o Festival chega a sua 2ª edição, levando para Feira de Santana uma rica e diversificada programação musical, com o objetivo de fomentar ações voltadas à criação, difusão e circulação de produtos artísticos, promovendo o intercâmbio cultural e valorizando a música autoral produzida na cidade.

Além de Julio Caldas, que se apresenta na sexta-feira (14), o Festival Bahia Jazz receberá, entre os dias 13 e 15 de dezembro, o grupo Coutto Orchestra, de Sergipe, o Santini Trio, o Duo B.a.v.i, a Banda SAL, a cantora Carol Pereyr, o grupo OUR JAZZ, a Banda Baiana Bossa, a cantora Simone Mota e o pianista, compositor, arranjador, regente e produtor musical, Marco de Carvalho, Gilmar Araújo Trio e o compositor, arranjador e percussionista Bel da Bonita que acaba de lançar seu mais novo disco “Entroncamento Feira Clube”.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 123324 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.