Feira de Santana: Acorda pra Vencer foi finalista em três categorias e venceu duas durante Copa dos Bairros 2018

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Acorda para Vencer levou dois troféus para a sua sede no Jardim Cruzeiro.
Acorda para Vencer levou dois troféus para a sua sede no Jardim Cruzeiro.
Acorda para Vencer levou dois troféus para a sua sede no Jardim Cruzeiro.
Acorda para Vencer levou dois troféus para a sua sede no Jardim Cruzeiro.

É resultado do trabalho. Muito trabalho duro e determinação. Foco no que está sendo feito. É o que dizem dirigentes do Acorda pra Vencer, finalistas em três categorias – venceu duas – nas competições promovidas pela Prefeitura de Feira de Santana, cujas finais aconteceram no sábado e no domingo.

O nome diz o que se espera da garotada e dos jovens, mais de 120, que participam das oito subdivisões – 8, 10, 12, 14, 16, 18, 20 e 23, mais a principal. As crianças e jovens devem acordar para a vida é outra leitura que se pode ser feita do Acorda pra Vencer. E o estímulo apresenta os resultados.

Fundador da associação foi o melhor jogador da Copa de Bairros 2018

O Acorda para Vencer levou dois troféus para a sua sede no Jardim Cruzeiro: a de campeão na categoria Sub13 e da Copa de Bairros, uma das cerejas do bolo do amadorismo local. “Estamos colhendo o que plantamos há nove anos e regando neste período”, afirmou Josean, um dos fundadores da associação.

Escolhido melhor jogador da Copa de Bairros deste ano, o atacante, que já foi atleta profissional, disse que criou a Escolinha de Futebol Acorda para Vencer para incentivar a criançada a trilhar o caminho do bem. “Os resultados estão aparecendo”. O time principal venceu a Copa de Bairros pela primeira vez.

Para ele, o trabalho duro e a vontade de vencer – “não aceitamos derrotas” – é a base de tudo. No ano passado a equipe ficou em terceiro lugar na competição de bairros – foi tirado da final pelo Flamengo, que ficou com o título. Neste ano, derrotou o time do Papagaio na semifinal.

“Nos focamos na formação de atletas e cidadãos, um trabalho na base, com honestidade e generosidade”, afirma Josean. Quase todos os atletas campeões deste ano foram formados na escolinha, desde as categorias iniciais. “E contribuímos para a formação de sonhos”.

Atletas no Japão e em clubes brasileiros

E os sonhos se expandem ao profissionalismo. Segundo o dirigente da associação, Joselito de Cerqueira, o Dola, alguns atletas já estão no Japão e em outros países, bem como em clubes brasileiros. “A meta é chegar ao profissionalismo”. Os primeiros passos já estão sendo dados.

Érica, de 11 anos, é uma das pratas da casa

A casa é uma porta para outros sonhos. Como o da menina Érica, uma habilidosa atacante de 11 anos, que desde os sete está no Acorda pra Vencer. Torcedora do

Flamengo e fã de Ronaldinho Gaúcho, disse que se espelha nos irmãos para jogar bem-quer ser igual a eles, que chega junto nas divididas.

“Não tiro o pé”, afirma. Elogia os colegas, que a receberam bem quando chegou à associação. “Gosto de jogar bola. Sempre vou quando os amigos a rua me chamam. É uma diversão das boas”. Ela também nutre o sonho da profissionalização.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113508 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]