Feira de Santana: Loja da Economia Solidária impulsiona projeto Feira Produtiva

A iniciativa ganha impulso com a implantação da Loja de Economia Solidária, no Centro de Abastecimento, onde são comercializados e expostos produtos de cerca de 60 grupos produtores.
A iniciativa ganha impulso com a implantação da Loja de Economia Solidária, no Centro de Abastecimento, onde são comercializados e expostos produtos de cerca de 60 grupos produtores.
A iniciativa ganha impulso com a implantação da Loja de Economia Solidária, no Centro de Abastecimento, onde são comercializados e expostos produtos de cerca de 60 grupos produtores.
A iniciativa ganha impulso com a implantação da Loja de Economia Solidária, no Centro de Abastecimento, onde são comercializados e expostos produtos de cerca de 60 grupos produtores.

O projeto Feira Produtiva, coordenado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SEDESO), atinge a marca de 9 mil pessoas envolvidas direta e indiretamente na economia solidária em Feira de Santana. A iniciativa ganha impulso com a implantação, há um ano, da Loja de Economia Solidária, na praça do Tropeiro, em frente ao Centro de Abastecimento, onde são comercializados e expostos produtos de cerca de 60 grupos produtores.

A data comemorativa está sendo marcada por uma exposição dos produtos e reunião dos grupos produtores, dos quais 24 deles já receberam equipamentos para impulsionar e profissionalizar a produção. “É uma iniciativa que conta com total apoio do prefeito Colbert Martins e do secretário Ildes Ferreira (Desenvolvimento Social) visando a geração de trabalho e renda através da economia solidária”, explica o coordenador do projeto, João Bosco.

Na Loja de Economia Solidária são comercializados gêneros alimentícios, a exemplo de bolos, sequilhos e salgados; bebidas, como licores; além de artesanato, produtos reciclados e floricultura. “São iniciativas que ganharam impulso com a decisão da SEDESO e da Prefeitura de cederem este espaço para instalar a loja”, frisou o coordenador do projeto.

Uma ajuda muito importante

Integrante da economia solidária, Maria Rosália Silva Rosa, mais conhecida como Dudu, comemora os resultados do projeto e ressalta a importância de possuírem um local fixo para os produtores se reunirem e exporem seus produtos. “É uma iniciativa que representa uma ajuda muito importante para todos nós pois a economia solidária envolve neste trabalho toda a família, desde a mãe e os filhos, além de amigos e vizinhos. É uma ajuda que Deus nos mandou e a qual somos gratas a Ele e ao Governo Municipal”, afirmou a produtora rural, que comercializa no local desde biscoitos, bolos, sequilhos até licores.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112790 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]