Feira de Santana: Estudantes concluintes refletem sobre carreira profissional durante a Feira das Profissões

A Feira das Profissões foi realizada no Cine Teatro da Praça CEU da Cidade Nova, em Feira de Santana.A Feira das Profissões foi realizada no Cine Teatro da Praça CEU da Cidade Nova, em Feira de Santana.
A Feira das Profissões foi realizada no Cine Teatro da Praça CEU da Cidade Nova, em Feira de Santana.

A Feira das Profissões foi realizada no Cine Teatro da Praça CEU da Cidade Nova, em Feira de Santana.

A reta final do ensino médio muitas vezes representa momentos de tensão na vida dos estudantes do 3º ano que se deparam com cobranças, expectativas e indecisões. No intuito de abrir os horizontes dos pré-vestibulandos, foi realizada na última terça-feira (13/11/2018), a Feira das Profissões, no Cine Teatro da Praça CEU da Cidade Nova, em Feira de Santana. Estudantes do 9º ano do Colégio Monsenhor Mario Pessoa e do 3º ano do Colégio Luiz Viana assistiram à explanação de possibilidades no campo profissional, com a participação de convidados voluntários.

A iniciativa partiu da estudante de direito e estagiária da Biblioteca do CEU da Cidade Nova, Gleyce Sena. “Nosso objetivo, que era plantar a sementinha do futuro, foi atingido. A gente tem um projeto aqui na biblioteca que se chama visita guiada e a gente traz esses alunos para fazer essa visita, apresentando como é que funciona. E no primeiro encontro eu percebi que alguns alunos tinham uma mentalidade fechada, no sentido de que a condição social determina o que eles poderiam ser. E isso aí fez com que fomentasse essa ideia da Feira de Profissões”, relatou.

A advogada Taiara Lima contou que mesmo com baixo poder aquisitivo, o estudo sempre foi prioridade para seus pais. Estudou maior parte do tempo em escola pública e muito cedo resolveu que queria ser advogada. Ao concluir o ensino médio tentou o vestibular de direito algumas vezes, mas não desistiu, quando conseguiu foi aprovada logo em 3 faculdades.

Gabriela Behrmann transmitiu para os alunos o quanto é importante estudar, independentemente de ter o ensino superior. Para ela, não existe outro caminho qualquer que seja a profissão escolhida. “Tanto para seguir carreira de jogador de futebol, médico, nutricionista ou advogado, o conhecimento é fundamental e deve ser buscado da melhor forma”.

“A gente não pode ser lagarta, ficar só se arrastando e achando que o mundo está ali naquele plano, a gente tem que ser borboleta, olhar o horizonte e perceber que o mundo está além aquilo ali”, completou.

O professor de biologia Marcelo Faislon, do colégio Luiz Viana, exaltou a importância da iniciativa. “Essa proposta que o CEU nos fez foi bastante proveitosa. Faz parte da formação desses alunos, propor momentos que eles possam discutir e esclarecer sobre as diversas carreiras que por ventura eles venham a escolher”, afirmou Marcelo.

O evento foi uma injeção de ânimo para os estudantes que tiveram contato com profissionais de direito, contábeis, psicologia, biologia, nutrição, publicidade, administração, cinema e educação física e ainda contou com a presença da artista e estudante de publicidade Jeysa Ribeiro, conhecida como Duquesa, que relatou a sua transição do ensino médio para o ensino superior e como concilia os trabalhos musicais com a faculdade.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]