Estudantes de Feira de Santana participam de exposição de grafite sobre patrimônio da cidade

Estudantes de Feira de Santana participam de exposição de grafite sobre patrimônio da cidade.

Estudantes de Feira de Santana participam de exposição de grafite sobre patrimônio da cidade.

Os estudantes do Colégio Estadual Governador Luiz Viana, localizado no bairro de Cidade Nova, em Feira de Santana (116 km de Salvador), participaram, nestas quarta e quinta-feira (21 e 22/11/2018), da exposição ‘Feira na lata – arte e memória urbana em síntese’, realizada no colégio, na qual foram expostos banners pintados por grafiteiros locais com imagens do patrimônio da cidade. Durante a exposição, foi realizada uma oficina de grafite, na qual os estudantes se dividiram em equipes e criaram 12 banners grafitados com imagens sobre a cidade e, também, relacionadas ao Dia da Consciência Negra.

Os banners dos estudantes foram expostos nesta quinta-feira (22), no evento ‘II profusão de linguagens’, realizado no Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU), localizado no bairro Cidade Nova, e que teve o objetivo de demostrar as habilidades artísticas dos estudantes e valorizar a produção cultural desenvolvida na escola. Essas criações farão parte do acervo do Museu Regional de Arte (MRA), do Centro Universitário de Cultura e Arte (CUCA).

A exposição ‘Feira na lata’ visou proporcionar dinâmicas de interação entre a comunidade escolar e a produção artística, através do contato com painéis reflexivos sobre o patrimônio da cidade, enfatizando a valorização da identidade cultural da linguagem artística do grafite. A ação itinerante, que já esteve em cartaz no Museu Regional de Arte (MRA), é fruto de intervenções artísticas realizadas por grafiteiros da cidade como Júlio Firmo, Coelho, Charles Mendes, Kbeça, Manu lu e outros.

O estudante João Darlison da Rocha, 15, do 8º ano, disse que gostou muito de aprender a arte do grafite. “Sempre tive curiosidade de aprender a grafitar e tive essa oportunidade na oficina. Fiquei muito contente ao ver minha criação exposta na exposição juntamente com as obras dos grafiteiros profissionais que fazem parte do projeto”, revelou, entusiasmado.

Débora Costa Amorim, 17, 2º ano, também gostou da experiência com o grafite. “Gosto muito da área artística e achei muito interessante esta atividade com o grafite e o que mais achei interessante foi a forma técnica de como fazer a pintura na grafitagem”, disse a estudante, que é fã do trabalho do grafiteiro Coelho, que foi um dos oficineiros da atividade.

No evento artístico-cultural ‘II profusão de linguagens’, além da exposição dos banners, também foram realizadas diversas apresentações culturais. A programação contou com a apresentação dos estudantes participantes da Orquestra Juvenil de Feira de Santana, do Núcleo Antônio Gasparinni (Neojiba); além de apresentações de dança, música, teatro, poesia e exibição de documentário.

O diretor do colégio, Eduardo Brito, falou da importância da ação cultural. “O evento serviu para dar visibilidade às diversas produções dos estudantes, valorizando duas potencialidades, além de oportunizar a ampliação da autoestima do público jovem que compõe a escola. Tais atividades são frutos de vários projetos pedagógicos planejados pelos professores, além das oficinas propostas pelo ProEMI e Mais Educação, as quais consistem em ações implementadas por meio de recursos federais”, afirmou o gestor.

Feira do Conhecimento – No Colégio Estadual Marquês de Abrantes, localizado no município de Rio Real (209 km de Salvador), foi realizada nesta quinta-feira (21), a II Feira do Conhecimento. A programação contou com apresentações de projetos e ações relacionadas à diferentes temas como saúde emocional, jovens no mercado de trabalho, gestão sustentável, drogas na adolescência e outros.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]