Feira de Santana: Artista plástico Zé Andrade conta história de Canudos com uso de esculturas em barro

Zé Andrade, artista plástico.
Zé Andrade, artista plástico.

Com exposição e lançamento de foto/livro na última quarta-feira (21/08/2018), no Museu de Arte Contemporânea (MAC), o artista plástico Zé Andrade se despediu de Feira de Santana. Ele também desenvolveu oficina de modelagem com barro, retribuindo toda a vivência e aprendizado dos 8 anos em que morou na cidade. O evento foi parte das homenagens pelo 22º aniversário do MAC.

No livro ‘Canudos e Favela’ o artista fala sobre as imagens e lembra de uma experiência que aconteceu na cidade baiana de Itapicuru, onde começou o ciclo de perseguição a Antônio Conselheiro, que levou boa parte da população a migrar para Canudos, onde aconteceram os conflitos.

Zé Andrade relata que em certo período da vida recebeu de presente o livro Sertões e que a leitura o incomodou e o fez pensar na forma com a qual as pessoas que viveram o conflito poderiam relatar a situação. “Fui cinco vezes a Canudos, desde 2008, para realizar uma oficina, conseguindo fazê-la em Itapicuru. Fiquei lá durante duas semanas. Peguei o barro e estimulei aquelas pessoas a contarem a história através da arte”, explica o artista.

Esculturas retratam Canudos

O livro contém imagens das modelagens em barro, fruto das oficinas de Zé Andrade, e feitas por pessoas da cidade, que tiveram algum contato com a história de Canudos no período conflituoso. “Nas esculturas eles relatam situações, pessoas e momentos que marcaram o período”, explica.

Entre o MAC e a Biblioteca

Zé Andrade lembra o período em que estudou e relata sua dedicação e rotina, dia e noite, entre o MAC e a Biblioteca Municipal Arnold Ferreira Silva, realizando pesquisas. Ele agradece à cidade por ter dado a oportunidade e acesso a estes locais. “Voltei para retribuir à cidade que também me inspirou”, acentua.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111110 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]