Ex-executivo da Odebrecht diz que doou R$ 23 milhões ao governador Fernando Pezão

Luiz Fernando Pezão, governador do Rio de Janeiro.
Luiz Fernando Pezão, governador do Rio de Janeiro.
Luiz Fernando Pezão, governador do Rio de Janeiro.
Luiz Fernando Pezão, governador do Rio de Janeiro.

O ex-executivo da Odebrecht Benedicto Júnior, conhecido como BJ, afirmou à Justiça que doou R$ 23 milhões em caixa 2 à campanha de Luiz Fernando Pezão. Segundo depoimento ao juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal, a doação ocorreu em 2014, a pedido do então governador Sérgio Cabral.

Benedicto Júnior falou que parte do recurso, 1 milhão de euros, foi paga no exterior e que o restante, R$ 20 milhões, no Brasil. Ele depôs, nesta quarta-feira (15/08/2018), na condição de colaborador da Justiça.

O ex-executivo da Odebrecht também confirmou que fez pagamentos em caixa 2 ao presidente licenciado da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), Jorge Picciani, e para o deputado estadual Paulo Melo, ambos do MDB.

Procurado pela Agência Brasil para se posicionar sobre o depoimento, o governo do Rio respondeu em nota: “O governador reafirma que todas as doações foram feitas de acordo com a legislação eleitoral”.

*Com informações da Agência Brasil.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 106708 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]