Eleições 2018: “Estamos só começando”, diz José Ronaldo, com 18% das intenções de voto para governador da Bahia

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
José Ronaldo participa de debate da Rádio Sociedade de Salvador.
José Ronaldo participa de debate da Rádio Sociedade de Salvador.
José Ronaldo participa de debate da Rádio Sociedade de Salvador.
José Ronaldo participa de debate da Rádio Sociedade de Salvador.

O candidato José Ronaldo, da Coligação Coragem para mudar a Bahia,  está bastante empolgado com a pesquisa realizada pelo Instituto Big Data – divulgada neta quarta-feira (22/08/2018) pela Rede Record de Televisão, na qual aparece com 18% das intenções de voto.

“Tá  ficando gostoso fazer essa campanha. A reação das pessoas tem sido muito positiva nessas andanças que estou fazendo. O quadro hoje é 100% diferente do que era há 100 dias. E será cada vez melhor daqui pra frente”, festeja o candidato, lembrando que a campanha está só começando e que cresce o número de apoios a cada dia.

“Eu acho que daqui a 15 dias teremos uma clareza maior a partir dos primeiros dias de programa eleitoral”, avalia. “Do período da convenção pra cá, a população já começou a se interessar por mim e pelas minhas propostas”.

José Ronaldo diz que em pouco tempo de campanha em viagens pelo interior já teve encontros memoráveis. Para o candidato,  seu grande trunfo é o seu estilo de administrar e o respeito ao dinheiro público. “Quando eu era jovem, já pensava assim. Imagine agora, perto de completar 70 anos. O meu patrimônio é a minha vida. Não é o dinheiro”, faz questão de frisar. “Eu sinto que meus filhos se orgulham muito disso. Esse é o presente que Deus me deu. O que podem esperar de mim? Vou respeitar o dinheiro público, serei sincero e verdadeiro, trabalhando arduamente pra fazer com que as pessoas entendam que o bem público é de todos e não de um chefe político, de um governador, de um prefeito”.

Lembrando sua capacidade de gestão administrativa, elogiada até pelos adversários, José Ronaldo diz que aprendeu, ao longo da vida, a ser gestor e a ser político, algo fundamental para a governabilidade. Segundo ele, é preciso que o futuro governador saiba se relacionar com a Assembleia Legislativa “deixando claro que o interesse público estará sempre acima de todos nós. Minha experiência de vida me ajudará a ser governador. Sempre tive trânsito em Brasília, sei conviver com organismos internacionais”.

Sobre a eventual composição de seu governo, o candidato diz que, quando era prefeito de Feira de Santana, criou uma espécie de lei precursora da atual lei da ficha limpa. “Para alguém ter um cargo em Feira (de Santana) tinha de entregar todas as certidões negativas como se fosse um candidato. Quem tinha uma certidão que não estava bacana não era nomeado”, recorda.

Após o debate realizado na quarta-feira (22) pela manhã na Rádio Sociedade, José Ronaldo foi questionado mais uma vez sobre as razões de estar sendo tão duro nos ataques ao governo de Rui Costa. Disse que está sendo verdadeiro. “Fico doente quando vejo que a Bahia tem os piores índices de violência no Brasil, milhares de pessoas na fila de regulação. Conheci pessoas que morreram esperando nessa fila. Isso dói no meu coração e tem me contrariado. Eu sou um ser humano, não aguento isso. Eu vi gente morrer por falta de assistência. Esse é meu desabafo. Eu quero ser governador pra consertar isso”.

Dados da pesquisa sobre intenção de voto para governador da Bahia

— Pesquisa espontânea

Rui Costa (PT): 34%

Zé Ronaldo (DEM): 10%

Outros candidatos, somados: 1%

Nulos/Brancos: 11%

Indecisos: 44%

— Pesquisa estimulada

Rui Costa (PT): 51%

Zé Ronaldo (DEM): 18%

João Henrique: (PRTB): 1%

Outros candidatos, somados: 1%

Nulos/Brancos: 10%

Indecisos: 18%

Perfil da pesquisa Real Time Big Data Gestão de Dados

Cargos avaliados na pesquisa: governador e senador pelo Estado da Bahia

Data de registro: 16/08/2018

Data de início e término da pesquisa: de 16 a 17 de agosto de 2018

Data de divulgação: 22/08/2018

Registro: Registrada no Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE Bahia) com código alfanumérico BA-05201/2018

Metodologia de pesquisa: Pesquisa quantitativa, que consiste na realização de entrevistas por telefone, com a aplicação de questionário estruturado junto a uma amostra, representativa do eleitorado em estudo.

Plano amostral e ponderação quanto a sexo, idade, grau de instrução e nível econômico do entrevistado; intervalo de confiança e margem de erro: Universo: 10.393.168 eleitores (TSE). Amostra: 1200 entrevistas. Nível de Confiança: 95%. Margem de Erro: até 3 pontos percentuais para mais ou para menos. Divisão Censitária. Ponderação quanto ao sexo e faixa etária: Masculino de 16 a 24 anos (7,8%), Masculino de 25 a 34 anos (10,5%), Masculino de 35 a 44 anos (10,2%), Masculino de 45 a 59 anos (10,8%) e Masculino acima de 59 anos (8,0%); Feminino de 16 a 24 anos (8,4%), Feminino de 25 a 34 anos (11,5%), Feminino de 35 a 44 anos (11,3%), Feminino de 45 a 59 anos (12,2%) e Feminino acima de 59 anos (9,3%). Ponderação quanto ao nível de instrução: 32,8% de Analfabeto / Fundamental Incompleto, 21,2% de Lê e escreve / Fundamental Completo, 36,3% de Médio Incompleto / Médio Completo e 9,7% de Superior Incompleto / Superior Completo. Ponderação quanto a distribuição por renda mensal domiciliar: 39,5% até 1 SM, 27,2% de 1 até 2 SM, 22,8% de 2 até 5 SM, 6,7% de 5 até 10 SM e 3,8% acima de 10 SM (Fonte IBGE).

Sistema interno de controle e verificação, conferência e fiscalização da coleta de dados e do trabalho de campo: Checagem de cerca de 20% da amostra efetuada pelos supervisores. Todos os entrevistadores foram amplamente treinados e orientados tanto teoricamente quanto praticamente sobre suas responsabilidade e funções, respeitando as cotas pré-estabelecidas. A equipe está dividida em coordenadoria-geral / supervisores / entrevistadores.

A pesquisa foi aplicada nos dias 16 e 17 de agosto, quando foram ouvidos 1.200 eleitores. A margem de erro é de 3% para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113522 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]