Feira de Santana: Colbert Filho autoriza reformas de escolas do Distrito de Tiquaruçu

As reformas das escolas Julieta Frutuoso e Joanita Mota, ambas localizadas no Distrito de Tiquaruçu, foram autorizadas pelo prefeito Colbert Filho.As reformas das escolas Julieta Frutuoso e Joanita Mota, ambas localizadas no Distrito de Tiquaruçu, foram autorizadas pelo prefeito Colbert Filho.
As reformas das escolas Julieta Frutuoso e Joanita Mota, ambas localizadas no Distrito de Tiquaruçu, foram autorizadas pelo prefeito Colbert Filho.

As reformas das escolas Julieta Frutuoso e Joanita Mota, ambas localizadas no Distrito de Tiquaruçu, foram autorizadas pelo prefeito Colbert Filho.

As reformas das escolas Julieta Frutuoso e Joanita Mota, ambas localizadas no Distrito de Tiquaruçu, em Feira de Santana, foram autorizadas pelo prefeito Colbert Martins Filho, na manhã deste sábado (07/07/2018). Atendem a, respetivamente, 160 e 135 alunos, da educação infantil ao nono ano.

“No próximo ano a comunidade escolar vai estar em uma nova casa”, afirmou o prefeito, enfatizando que o que falou não se tratava de força de expressão. “Tudo será feito dentro dos novos padrões arquitetônicos adotados pela Prefeitura nos últimos anos”.

O conjunto escolar vai ganhar uma nova sala, mais uma quadra poliesportiva coberta e dotada de vestiário, biblioteca, brinquedoteca, sala para informática e outra destinada para o atendimento aos estudantes que apresentarem alguma deficiência.

De acordo com a secretária de Educação, Jayana Ribeiro, a Escola Joanita Mota será destinada exclusivamente à educação infantil, para atender a demanda das crianças de 3 aos 5 anos. “As salas serão estruturadas, com sanitários, para atender a estes alunos”.

Nos últimos anos, mais de 150 escolas foram requalificadas ou construídas pela Prefeitura de Feira de Santana, tanto na zona urbana como na zona rural. “São números que mostram que a educação é uma das preocupações e finalidades do governo municipal”, afirmou o vereador José Carneiro.

O secretário de Desenvolvimento Urbano, José Pinheiro, disse que toda a cobertura – telhas e madeira, serão levadas para o depósito municipal e reciclado. “Será usado por projetos de moradia desenvolvidos pela Secretaria de Desenvolvimento Social”.

A obra vai custar R$ 1.152,000 aos cofres do município. Colbert Filho pediu à construtora responsável pela obra que dê opção para a mão de obra do distrito. E convocou os moradores para que acompanhem o serviço, previsto para ser concluído em 240 dias.

A intervenção será iniciada pela quadra, enquanto a Secretaria de Educação promove a relocação dos estudantes para outro prédio.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]