Feira de Santana: vereador destaca ingerência política do presidente da República

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Antônio Carlos (Carlito do Peixe): se Temer tivesse preparo para assumir a presidência nada disso teria acontecido.
Antônio Carlos (Carlito do Peixe): se Temer tivesse preparo para assumir a presidência nada disso teria acontecido.
Antônio Carlos (Carlito do Peixe): se Temer tivesse preparo para assumir a presidência nada disso teria acontecido.
Antônio Carlos (Carlito do Peixe): se Temer tivesse preparo para assumir a presidência nada disso teria acontecido.

Lamentando os prejuízos ocasionados pela greve dos caminhoneiros para a economia nacional e para os cofres públicos, o vereador Antônio Carlos Passos Ataíde (Carlito do Peixe, DEM) atribuiu as consequências do movimento, que durou 10 dias, à ingerência política do presidente da República, Michel Temer (MDB). Segundo o edil, o presidente não dispõe de preparo e capacidade para gerenciar o país.

“O presidente Temer não levou a sério o movimento dos caminhoneiros. A categoria vinha buscando solução para suas demandas desde o mês de setembro e o presidente não botou fé na possibilidade de paralisação. Agora os prejuízos estão aí para a economia do país e para os cofres públicos, uma vez que houve queda na arrecadação pública. Se Temer tivesse preparo para assumir a presidência nada disso teria acontecido”, criticou.

Na oportunidade, o vereador informou que os prejuízos do Governo Municipal de Feira de Santana com a greve deverão ser divulgados ainda neste mês de junho. Carlito aproveitou para cobrar providência ao Governo do Estado com relação à redução do percentual do ICMS. “Espero que o Governo Estadual se mobilize para reduzir o imposto cobrado sobre o preço do combustível”, concluiu.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113732 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]