Feira de Santana: vereador repercute paralisação de caminhoneiros

Antônio Carlos (Carlito do Peixe): se não houver um reajuste vamos continuar pagando caro pelo combustível.
Antônio Carlos (Carlito do Peixe): se não houver um reajuste vamos continuar pagando caro pelo combustível.
Antônio Carlos (Carlito do Peixe): se não houver um reajuste vamos continuar pagando caro pelo combustível.
Antônio Carlos (Carlito do Peixe): se não houver um reajuste vamos continuar pagando caro pelo combustível.

Em pronunciamento, na sessão ordinária desta segunda-feira (21/05/2018), na Câmara Municipal de Feira de Santana, o edil Antônio Carlos Passos Ataíde (Carlito do Peixe, DEM) repercutiu a paralisação dos caminhoneiros, na manhã nesta manhã, por conta do alto preço cobrado pelo combustível e parabenizou a Mesa Diretiva da Câmara pela realização do concurso público.

“Há muitos ano esta Casa necessita da realização de um concurso. Administrações passadas tentaram realizar o certame, mas sem sucesso. Então, parabéns a esta gestão pela realização do concurso, há sim esta necessidade”, pontuou Carlito.

Já tratando sobre a paralização dos caminhoneiros, o vereador Carlito lembrou que com a constante alta do dólar, o litro da gasolina pode chegar a R$ 5. “Essa política que o Governo americano implantou está prejudicando o Brasil. Quando os caminhoneiros pararam, para tudo porque ficamos sem acesso às rodovias. Há apenas a alternativa de navio, muito demorado, ou avião, que é muito caro. Se não houver um reajuste vamos continuar pagando caro pelo combustível. Ministros, sentados em suas cadeiras em salas com ares condicionados, estão tomando decisões que são acatadas pelo Governo e prejudicial ao povo”, avaliou.

Em aparte, o petista Alberto Nery disse achar oportuno a paralização e ressaltou que com o alto valor do frete, do combustível e dos pedágios, os caminhoneiros estão trabalhando, praticamente, de graça. “Deveria haver um preço diferente para os trabalhadores que atuam no transporte”, sugeriu.

Também em aparte, o edil Cadmiel Pereira (PSC) parabenizou Carlito pelo pronunciamento e afirmou que a gestão pública sempre age de forma sorrateira, fazendo com que o povo pague pelo prejuízo causado. “Tem caminhoneiro que não quer ir para Rio de Janeiro e São Paulo com medo de assaltos e altas tarifas. Com esse aumento de combustível, em breve os alimentos chegarão às nossas mesas com preços altíssimos. Quando caminhoneiro para não é causar transtornos e sim para chamar atenção”, observou.

Para finalizar, Carlito afirmou que o Brasil precisa de um presidente que execute os projetos escolhidos pelo povo. “Os adversários políticos deveriam expor seus projetos e o povo escolher. O Brasil precisa adotar mediadas rápidas, caso contrário esses aumentos tornarão as coisas mais difíceis”, findou.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112723 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]