“Somos inquilinos do universo, mas maltratamos nossa casa”, diz arcebispo emérito durante palestra na FTC Feira de Santana

Arcebispo Emérito Dom Itamar Vian ministra palestra com tema 'A importância da religião no desenvolvimento dos valores socioambientais'.

Arcebispo Emérito Dom Itamar Vian ministra palestra com tema ‘A importância da religião no desenvolvimento dos valores socioambientais’.

Ao proferir palestra na manhã desta quarta-feira (04/04/2018), no auditório da Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC), o Arcebispo Emérito da Arquidiocese de Feira de Santana, Dom Itamar Vian, pontuou que “somos todos inquilinos do universo, mas maltratamos nossa casa e temos cada vez mais indicativos de perda da qualidade de vida”. A palestra foi promovida pela Universidade Aberta do Meio Ambiente e Cidadania Sustentável (Unamacs) em parceria com a FTC.

O religioso, que transcorreu sobre o tema ‘A importância da religião no desenvolvimento dos valores socioambientais’ falou também de questões sociológicas e éticas e, principalmente, da necessidade de entendimento de que a ecologia tem como ponto fundamental o ser humano.

Autor de 30 livros e mais de 1.000 crônicas publicadas em jornais da cidade, o arcebispo destacou o consumo inadequado da água como um dos problemas mais preocupantes. Informou que existem estudos indicando que se toda a população tivesse acesso a água potável desde o início da vida não haveria doenças como tuberculose, hanseníase e até aids, que se instala no ser humano porque não encontram resistência.

Segundo ele, as igrejas – sejam católicas ou não – estão lançando a campanha ‘Saneamento já’. O objetivo da ação, que prevê uma série de medidas, é exatamente preservar o meio ambiente e, consequentemente, elevar a qualidade de vida das pessoas.

Meio ambiente é pauta obrigatória do século XXI, destaca secretário

Para o secretário municipal de Meio Ambiente, Sérgio Carneiro, o meio ambiente é pauta obrigatória do século XXI pela importância e abrangência do tema. Ao apresentar o palestrante, ele falou sobre desmatamento, aterramento de lagoas, ocupação irregular do solo e especulação imobiliária como os principais problemas ambientais de Feira de Santana. “A população está crescendo e consumindo mais, sem preocupação com a reposição de nossos recursos”, observou, citando outras agressões ambientais, como a poluição sonora.

Desenvolver valores socioambientais

“Eventos como esse servem para reflexão e consolidam o projeto da UNAMACS”, avaliou a coordenadora da Universidade Aberta, Elizângela Lucena. Segundo ela, o objetivo é exatamente desenvolver os valores socioambientais e despertar a consciência da comunidade sobre preservação. O projeto da Instituição, que mantém uma programação de cursos gratuitos, é sustentado pelas parcerias com entidades comprometidas com o meio ambiente.

Professor destaca importância de formar cidadãos conscientes

O professor Cristiano Lôbo, diretor da Rede FTC, por sua vez, ao dar a boas-vindas ao palestrante e participantes do evento, destacou a importância de sensibilizar a sociedade e reafirmou o compromisso da Instituição em formar não somente profissionais qualificados, mas cidadãos comprometidos com as questões socioambientais. Citando Paulo Freire, ele disse que “se a educação sozinha não transforma, sem ela não há transformação da sociedade”.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]