Instituto Ecofuturo celebra Dia Nacional da Biblioteca com 19 unidades na Bahia

O Instituto Ecofuturo, mantido pela Suzano Papel e Celulose, celebra o Dia Nacional da Biblioteca nesta segunda-feira (09/04/2018) com 110 Bibliotecas Comunitárias pelo Brasil, sendo 19 localizadas no estado da Bahia. Por meio do projeto Biblioteca Comunitária Ecofuturo, as unidades são implantadas em parceria entre o Instituto, organizações privadas, que financiam suas instalações, e o poder público municipal, que cede o espaço, contrata funcionários e mantém a biblioteca após inaugurada.

O projeto, realizado há quase duas décadas, tem como objetivos democratizar o acesso aos livros de literatura, promover a leitura e contribuir com a Lei 12.244/10, que determina que todas as instituições de ensino do país tenham uma biblioteca até 2020. “Um dos maiores desafios ao desenvolvimento humano e econômico do Brasil é a educação. O Ecofuturo acredita que a aquisição das competências de leitura e escrita são a base para a educação de qualidade em qualquer sociedade e são fundamentais para assegurar o acesso ao conhecimento e à formação de cidadãos críticos”, afirma Marcela Porto, Superintendente do Instituto Ecofuturo. “Nesse contexto, reconhecemos o papel fundamental das bibliotecas e, quando instaladas em escolas e também abertas à comunidade, constatamos que ela contribui ainda para uma maior participação das famílias na vida escolar das crianças”, completa.

As Bibliotecas Comunitárias Ecofuturo contam, cada uma, com acervo inicial de mil livros novos de literatura, 70% deles são selecionados por especialistas da FNLIJ (Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil), executora técnica do projeto, e o restante é indicado pela comunidade, além de equipamentos eletrônicos e de informática, disponíveis para o uso de todos.

A comunidade local é envolvida durante todo o processo de implantação e os moradores são convidados a participar, junto a educadores do município, de cursos gratuitos de Auxiliar de Biblioteca e Promotor de Leitura. “Um dos principais diferenciais do projeto é a metodologia participativa, que envolve diferentes atores na sua implantação. Além de acompanhar todo o processo, os moradores do entorno se tornam importantes no controle e fiscalização do funcionamento da biblioteca e a participação deles é fundamental para também imprimir sua identidade regional no espaço. Por sua vez, o patrocinador é essencial para viabilizar a implantação, assim como o apoio da Prefeitura, que é responsável pela manutenção”, ressalta Alexandre Di Ciero, Gerente de Sustentabilidade da Suzano Papel e Celulose, mantenedora do Instituto e investidora do projeto.

Desenvolvido desde 1999, o projeto segue em expansão. Em breve, mais quatro Bibliotecas Comunitárias Ecofuturo devem ser implantadas no Maranhão, com patrocínio da Suzano Papel e Celulose, que já financiou diretamente 60 unidades, e serão inauguradas outras três bibliotecas em São Paulo e no Rio Grande do Sul, com investimento do Grupo CPFL. Ao todo, mais de 15 instituições privadas já investiram no projeto.

Sobre o Instituto Ecofuturo

O Instituto Ecofuturo, mantido pela Suzano Papel e Celulose, contribui para transformar a sociedade por meio da conservação ambiental e promoção de leitura. Desde 1999, mantém projetos relacionados ao fortalecimento da prática de leitura, universalização de bibliotecas e conservação do meio ambiente, atuando como articulador entre a sociedade civil, o poder público e o setor privado. Por acreditar que pessoas e o meio são indissociáveis, o Instituto Ecofuturo apoia a formação de cidadãos críticos e responsáveis, capazes de interagir positivamente entre si e com o ambiente, transformando o presente e o futuro para melhor. Para mais informações, visite www.ecofuturo.org.br, acesse o perfil no Facebook.

Sobre a Suzano Papel e Celulose

A Suzano Papel e Celulose é a segunda maior produtora de celulose de eucalipto do mundo e a maior fabricante de papéis de imprimir e escrever da América Latina. Como subsidiária da Suzano Holding e parte do Grupo Suzano, reúne mais de 90 anos de tradição com o que há de mais moderno de tecnologia para a indústria de papel e celulose. Possui cinco unidades industriais no Brasil, escritórios internacionais em seis países e estrutura de distribuição global preparada para abastecer mais de 60 países. Produz, além de Celulose, Papéis de imprimir e escrever revestido e não revestido e de Embalagens, Tissue (papéis para fins sanitários) e celulose Fluff (usada na produção de fraldas e absorventes higiênicos), e está investindo na produção de Lignina e derivados, criando uma plataforma de química verde para a substituição de matéria-prima de origem fóssil, entre outras aplicações. Trabalha no desenvolvimento genético de culturas florestais e atua no setor de biotecnologia por meio de sua subsidiária FuturaGene. A empresa possui capital aberto e integra o Novo Mercado, o que reforça seu compromisso com o avanço contínuo das práticas de governança corporativa.  Para mais informações, acesse www.suzano.com.br.

Confira as unidades inauguradas na Bahia

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Alagoinhas

Endereço: Av. Marechal Aristóteles de Souza Dantas 851 – Mangalô

Inauguração: 27/05/2007

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Teixeira de Freitas

Endereço: Rua General Tude, 150 (referência Escola Municipal São Lourenço) – São Lourenço Teixeira de Freitas

Homenageados da Biblioteca: João Carlos de Oliveira, João de Oliveira Santos e Eliseu Matias

Inauguração: 18/04/2007

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Itabatã

Endereço: Praça Nações Unidas, 108 – Gazinelândia Itabatã (Mucuri)

Homenageado da Biblioteca: Professor Eustábio Jesus da Silva

Inauguração: 18/12/2006

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Camaçari

Endereço: Praça da Matriz, s/nº – Vila de Abrantes – Centro Camaçari

Homenageado da Biblioteca: Antônio Alves Sobrinho

Inauguração: 17/02/2006

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Salvador

Endereço: Rua Alto da Alegria, s/nº – Prédio da Casa de Serviço Viva Nordeste (Beco da Cultura) – Beco da Cultura Salvador

Inauguração: 10/10/2005

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Quixabeira

Endereço: Praça 21 de Abril, s/ nº – Centro Quixabeira

Inauguração: 01/07/2005

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Maracás

Endereço: Rua Barão do Rio Branco, s/nº – Centro Maracás

Inauguração: 18/02/2003

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Saubara

Endereço: R. Ananias Requião, s/nº – Centro – Saubara

Inauguração: 16/10/2002

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Boa Nova

Endereço: Av. Nossa Senhora da Boa Nova, 05 – Centro Boa Nova

Inauguração: 20/09/2002

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Piraí do Norte

Endereço: Rua Érico Sabino Souza, 20 – Centro Piraí do Norte

Inauguração: 09/06/2002

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Novo Horizonte

Endereço: Praça Francelino Oliveira Lopes, 100 – Centro Novo Horizonte

Inauguração: 13/05/2002

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Caturama

Endereço: Av. Laurinda Cardoso, s/nº – Centro – Caturama

Inauguração: 29/04/2002

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Caraíbas

Endereço: Praça Luiz Eduardo Magalhães, s/nº – Usina Caraíbas

Inauguração: 11/04/2002

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Mucuri

Endereço: Av. Central, 57 – Centro Mucuri

Inauguração: 21/12/2001

Revitalização: 15/12/2010

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso Nova Viçosa

Endereço: Rua da Inglaterra, s/nº – Posto da Mata Nova Viçosa

Inauguração: 21/12/2001

Revitalização: 15/12/2010

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Caravelas

Endereço: Rua Sete de Setembro, 278 – Centro Histórico Caravelas

Inauguração: 20/12/2001

Revitalização: 15/12/2010

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Alcobaça

Endereço: Rua Dr. José Porfírio, s/nº – Centro Alcobaça

Inauguração: 29/11/2001

Revitalização: 15/12/2010

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Mascote

Endereço: Praça Presidente Médici, s/nº – Centro Mascote

Inauguração: 28/11/01

Biblioteca Comunitária Ler É Preciso de Rui Barbosa

Endereço: Pça. Santa Teresa, s/nº – Centro – Rui Barbosa

Inauguração: 23/08/2001

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]