Governo Rui Costa cede imóvel para UFRB em Santo Amaro

Vista da Praça da Purificação, centro da cidade de Santo Amaro.
Vista da Praça da Purificação, centro da cidade de Santo Amaro.
Vista da Praça da Purificação, centro da cidade de Santo Amaro.
Vista da Praça da Purificação, centro da cidade de Santo Amaro.

Pertencente ao Estado, um casarão colonial situado no município de Santo Amaro foi cedido à Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB). O imóvel será utilizado para instalação de salas de aula para alunos da pós-graduação e para abrigar setores administrativos da instituição acadêmica.

Situado na Praça da Purificação, no Centro de Santo Amaro, o casarão abrigou, até 2016, uma unidade da Inspetoria Fazendária, pertencente à Secretaria da Fazenda (Sefaz). A partir de setembro do mesmo ano, o imóvel passou a ser gerido pela Secretaria da Administração (Saeb), porque a Sefaz não tinha mais interesse em ocupá-lo.

A UFRB manifestou interesse pelo imóvel. O secretário da Administração, Edelvino Góes assinou o termo de cessão de uso do imóvel na tarde de quarta-feira (28). “O Governo do Estado dá destinação sócio-educativa ao casarão quando cede o imóvel para ser utilizado pela universidade. A casa terá uma nobre utilização servindo à academia”, comentou Góes.

O reitor da UFRB, Sílvio Luiz de Oliveira Soglia, ressaltou a importância da parceria entre a universidade e o governo como forma de desenvolvimento do Estado, além da relevância para a qualidade dos serviços públicos prestados à população e para a disseminação da educação e da cidadania.

O casarão possui 478 metros quadrados de área construída, em uma área total de cerca de 1 mil metros quadrados. O imóvel foi cedido pelo Governo do Estado para a UFRB pelo prazo de 20 anos, podendo ser prorrogado por igual período.

Sobre Carlos Augusto 9506 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).