Feira de Santana: “o Shopping Popular não tem espaço para novas pessoas”, destaca vereador Roberto Tourinho

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Roberto Tourinho: a concepção é transferir os ambulantes do centro da cidade para aquele equipamento
Roberto Tourinho: a concepção é transferir os ambulantes do centro da cidade para aquele equipamento
Roberto Tourinho: a concepção é transferir os ambulantes do centro da cidade para aquele equipamento
Roberto Tourinho: a concepção é transferir os ambulantes do centro da cidade para aquele equipamento

No uso da tribuna da Câmara Municipal de Feira de Santana, o vereador Roberto Tourinho (PV), ao parabenizar o colega Luiz Ferreira Dias (Luiz da Feira, PPL) pelo discurso sobre a possível atuação de comerciantes estrangeiros no Shopping Popular, afirmou que o equipamento, como anunciado pelo Governo Municipal, integra o projeto de revitalização do centro comercial da cidade e deverá ser explorado por vendedores ambulantes que hoje atuam nas ruas e calçadas de Feira de Santana.

“O Shopping Popular está sendo construído para abrigar os comerciantes que atuam nas ruas e que foram devidamente cadastrados. O que entendi é que o Shopping Popular não tem vagas para novas pessoas. A concepção é transferir os ambulantes do centro da cidade para aquele equipamento”, afirmou.

O edil destacou a realidade do comércio na Rua Sales Barbosa. “O que acontece na Sales Barbosa é um crime, não existe em nenhum outro lugar do mundo. As barracas instaladas em frente das lojas com produtos mais baratos concorrendo com os lojistas, que pagam impostos e têm uma série de despesas para a manutenção de seus comércios. O Shopping popular deverá oferecer condição digna de trabalho para os ambulantes e contribuir para que os lojistas tenham condições para promover o negócio”, pontuou.

Vagas para ambulantes

O vereador Antônio Carlos Passos Ataíde (Carlito do Peixe, DEM), em aparte, destacou que estão sendo construído 1800 boxes para o comércio no empreendimento. “Diante do número de ambulantes que atuam na cidade, o número de vagas no shopping popular foram ampliadas. Sabemos que ainda são poucas as vagas, mas o Município tem a preocupação em atender a todos”, afirmou.

Tourinho reafirmou a expectativa de ver a concretização do projeto de revitalização do Centro de Feira de Santana. “Espero que essa construção resolva o problema para que os ambulantes possam estar devidamente instalados e que o centro desta cidade seja devidamente revitalizado”, disse.

Diante das reclamações envolvendo a disponibilização de vagas para exploração do Centro Comercial Popular, Roberto Tourinho informou que irá solicitar realização de audiência pública na Câmara para discutir os moldes de exploração do Shopping Popular.

Feiraguai

Em aparte, o vereador Alberto Nery (PT) relatou também a ocupação irregular das calçadas do Feiraguai. O edil convidou os colegas a visitarem o local e conferirem de perto a quantidades de vendedores ambulantes atuando sem condições dignas de trabalho naquele espaço.

O vereador Edvaldo Lima (PP) também revelou preocupação com a situação dos ambulantes disputando espaços no Feiraguai. “É uma situação preocupante a ocupação irregular das calçadas do Feiraguai e das demais ruas do centro de nossa cidade”, disse.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 121609 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.