ALBA: Deputado José Cerqueira Neto presta solidariedade ao ex-governador Jaques Wagner; “está em jogo, nesse momento, nossas instituições”, diz

Ex-governador Jaques Wagner e deputado José Cerqueira de Santana Neto (Zé Neto, PT/BA). Parlamentar presta solidariedade ao líder político e critica investigação.

Ex-governador Jaques Wagner e deputado José Cerqueira de Santana Neto (Zé Neto, PT/BA). Parlamentar presta solidariedade ao líder político e critica investigação.

Em nota, encaminhada nesta segunda-feira (26/02/2018) ao Jornal Grande Bahia (JGB), o deputado estadual e líder do Governo na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), José Cerqueira Neto (Zé Neto, PT/BA) criticou a Operação Cartão Vermelho, qualificando como uma ação midiática e eleitoral. “Está em jogo, nesse momento, nossas instituições”, diz

Confira o teor da nota

Quero publicamente me solidarizar com Jaques Wagner, o nosso companheiro, ex-governador, guerreiro do bem, do diálogo, que mudou toda a construção política da Bahia, e compartilhar da fala do governador Rui Costa que, dada agora pela manhã, representa todos nós e dá o tom de como deveremos enfrentar essa situação ocorrida com Wagner. A Arena Fonte Nova, que teve valor, com os aditivos, de pouco mais de 665 milhões, com R$ 400 milhões de recursos oriundos de empréstimo junto ao BNDES, jamais poderia ter sobrepreço de 450 milhões, até porque com este preço final, em torno de R$ 665 milhões, já é considerado o estádio de menor preço de todo país. Além disso, o estádio totalmente reconstruído – o anterior foi todo ele demolido – foi considerado a melhor praça esportiva de todo país na Copa do Mundo, pela estrutura e pelos seus serviços, e já foi objeto, há cinco anos, de toda investigação feita pela imprensa, pela população, pelo Ministério Público e pelo Tribunal de Contas do Estado. Então, nesse momento, me parece mais uma situação que não tem fato novo e que nos próximos dias, aguardamos, seja esclarecida.

Para mim soa estranho um inquérito instaurado em 2013 vir novamente à tona, nesse momento, quando o ex-governador já prestou depoimentos na condição de testemunha, respondendo a todas as perguntas, sem nenhuma objeção a qualquer tipo de investigação. Assim como soa estranho Wagner ser surpreendido em sua casa, com uma busca e apreensão que, é óbvio, vai acontecer o que aconteceu com as demais: acabam não levando nenhum documento, que substancialmente tem alguma importância para o inquérito e que, em verdade, acaba criando mais pirotecnia do que fato jurídico relevante, em um contexto de um processo de inquérito que já duram cinco anos.

Está em jogo, nesse momento, nossas instituições, que eu prefiro acreditar que ao seu final, tanto policiais como judiciais, entreguem à população a verdade e o resultado de investigações e processos, que possam realmente traduzir, dentro da democracia e do Estado de Direito, resultados que tenham substância legal. No caso de Wagner, eu não tenho dúvida da sua inocência e espero que todas essas investigações ocorram o mais rápido possível. Quem mais quer que as coisas sejam esclarecidas e materializadas somos nós.

Portanto, força, Wagner! Estamos juntos, mais do que nunca, e pode ter certeza que, quem te conhece na Bahia sabe que sua trajetória de vida nos orgulha e tem um grande legado para o povo baiano!

Deputado Zé Neto

O caso

A Operação Cartão Vermelho é uma investigação federal que ocorre no âmbito do Caso Lava Jato. O processo judicial tramita no Tribunal Regional Federal da 1º Região (TRF1). A investigação objetiva analisar contratos realizados entre o Estado da Bahia, durante o Governo Wagner, em 2013, com o Consórcio Fonte Nova Participações (FNP), empresa criada com a união das construtoras Odebrecht e OAS, com a finalidade de executar Parceria Público-Privada (PPP) de serviços de demolição, reconstrução e gestão do estádio Arena Fonte Nova, em Salvador.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]