Presidente Nacional do PSB participa de atividades em Salvador

Presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira.
Presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira.
Presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira.
Presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira.

O presidente Nacional do Partido Socialista Brasileiro, Carlos Siqueira, participa, nesta segunda-feira (11/12/2017), de uma série de atividades em Salvador. Às 16h30, ele concede entrevista coletiva na sede do PSB, no bairro do Rio Vermelho e, às 18h30, faz o lançamento, na capital baiana, do Boletim de Conjuntura Brasil Nº 6, cuja a capa traz o título Socialismo Criativo.

O segundo evento se realizará na FTC – Faculdade de Tecnologia e Ciências – Avenida Luís Viana Filho, Nº 8812 e com palestras de Paulo Miguez, vice-reitor da UFBA e Francesco Farruggia, presidente da Campus Party.

Sobre a publicação – Além de uma apresentação de Renato Casagrande Presidente da FJM – Fundação João Mangabeira, o boletim traz uma nota histórica de Paulo Miguez textos de Domingos Leonelli. Um dos seus textos é exatamente “Porque do Socialismo Criativo”, que parte do princípio que o desenvolvimento das forças produtivas e das relações de produção em qualquer variante teórica, tem na tecnologia um ponto de inflexão. Por outro lado, se nos últimos anos o capitalismo demonstrou sua criatividade traduzida em produtos de valor universal, exportando cultura e, até mesmo, modos de vida, o socialismo, supostamente seu sucedâneo histórico, precisará demonstrar o seu potencial criativo, ou quedará vencido como o socialismo soviético que se revelou incapaz de criar marcas e produtos aptos a disputar com os produtos do capitalismo.

Em outras palavras o capitalismo moderno só será efetivamente superado por um socialismo criativo.

Mais a ideia do socialismo criativo não inclui apenas a economia criativa, mas a inovação no seu sentido mais amplo, a sustentabilidade ambiental, o empreendedorismo, a participação democrática, e principalmente, novas formas e metodologia de organização social e política.

Se a criatividade capitalista tem como objetivos principais a ampliação do mercado e do lucro, a criatividade socialista deve ter como objetivo a ampliação de espaços de na sociedade e o bem-estar das pessoas.

E a agenda dos partidos políticos socialistas que lutam pelo socialismo democrático no mundo, precisa incorporar a inovação e a economia criativa como estratégia de desenvolvimento social econômico e político.

O socialismo criativo deve se constituir na dimensão social e humana do desenvolvimento das forças produtivas e da revolução tecnológica.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 110945 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]