Vereador diz que SEDUR de Feira de Santana não recebeu nenhuma denúncia formal sobre supostas irregularidades

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Cadmiel Pereira: a Secretaria não pode se pronunciar sobre algo que ainda não existe do mundo jurídico ou administrativo, para que haja solução.
Cadmiel Pereira: a Secretaria não pode se pronunciar sobre algo que ainda não existe do mundo jurídico ou administrativo, para que haja solução.
Cadmiel Pereira: a Secretaria não pode se pronunciar sobre algo que ainda não existe do mundo jurídico ou administrativo, para que haja solução.
Cadmiel Pereira: a Secretaria não pode se pronunciar sobre algo que ainda não existe do mundo jurídico ou administrativo, para que haja solução.

Em pronunciamento na Câmara Municipal de Feira de Santana, o vereador Cadmiel Pereira (PSC) se pronunciou sobre a denúncia de supostas irregularidades cometidas por funcionários da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (SEDUR).

“A Secretaria de Desenvolvimento Urbano de Feira de Santana, em seu processo habitual, tudo que é feito é dado entrada através do protocolo daquela Secretaria. Até o presente momento, mesmo com a denúncia feita, agora, no município de Feira de Santana, sobre suposta situação irregular, a SEDUR, através do secretário José Pinheiro, fez uma notificação às empresas envolvidas: Gazin, São Felipe e Helyos, para que, até 72 horas, possam se manifestar se houve alguma irregularidade, a fim de que sejam tomadas as devidas providências de processos administrativos ou de sindicâncias, caso sejam necessários”, disse.

O edil afirmou que, até a presente data, não há nenhum fato jurídico descrito no que concerne à denúncia. “Portanto, a Secretaria não pode se pronunciar sobre algo que ainda não existe do mundo jurídico ou administrativo, para que haja solução. Uma vez que o crime, eventualmente, seja realizado por um servidor público, se for de porta para fora da Secretaria, responde-se penalmente. Todavia, se for dentro do ambiente e no assunto de força de atuação profissional enquanto servidor público, responde por um processo administrativo, também chamado de sindicância”, explicou.

Cadmiel acrescentou que, caso a denúncia chegue de forma formal, é obrigação da Secretaria fazer todo o julgamento necessário em trâmite, para tirar as dúvidas e penalizar, se porventura aconteceu desvio ou irregularidade.

De acordo com o vereador, se porventura chegar alguma denúncia na SEDUR, haverá uma investigação concisa do desenrolar dos fatos, mediante julgamento, processo e culpabilidade, caso haja irregularidade. “Acreditamos muito bem no trabalho eficaz e transparente do secretário José Pinheiro, que, em todos esses anos na equipe do prefeito, vem realizando um bom trabalho em nossa cidade”, afirmou.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113537 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]