“Netinho Malvadez e a política da perseguição”; ex-secretário estadual Robinson Almeida denuncia participação do prefeito de Salvador no bloqueio ao recurso financeiro destinado ao Governo da Bahia

Prefeito ACM Neto mente e prejudica o povo da Bahia. Malvadeza o caracteriza, assim como o povo distingui a personalidade do avô, diz Robinson Almeida.Prefeito ACM Neto mente e prejudica o povo da Bahia. Malvadeza o caracteriza, assim como o povo distingui a personalidade do avô, diz Robinson Almeida.


Em nota encaminhada neste domingo (12/11/2017) ao Jornal Grande Bahia (JGB), o ex-secretário estadual de Comunicação da Bahia e pré-candidato a deputado estadual Robinson Almeida (PT) criticou ACM Neto (DEM), prefeito de Salvador, citando alcunha de ‘malvadeza’, mesmo tratamento que populares concediam ao o falecido senador Antônio Carlos Magalhães (ACM), avô do prefeito. A crítica é decorrente da participação do Democrata no bloqueio ao empréstimo de R$ 600 milhões, autorizado pelo Senado Federal ao Governo Rui Costa.

Na sequência, desqualificou declarações de “Netinho Malvadeza”, dizendo serem falsas afirmações sobre o Governo do PT na Bahia. “Foi a velha política da perseguição que impediu o povo baiano de obter mais investimentos em recuperação de estradas, infraestrutura e educação”, declara Robinson Almeida.

Confira a íntegra da nota ‘Netinho Malvadeza’

— O prefeito de Salvador, ACM Neto, quer confundir a opinião pública ao afirmar que o empréstimo de R$ 600 milhões para a Bahia não saiu devido a problemas do Governo do Estado. Mentira. Foi a velha política da perseguição que impediu o povo baiano de obter mais investimentos em recuperação de estradas, infraestrutura e educação.

O contrato do empréstimo chegou a ser publicado no Diário Oficial da União na véspera da votação da denúncia do MP contra Temer. ACM Neto condicionou o apoio dos seus deputados para salvar o presidente ao veto do empréstimo. Essa é a verdade. ACM Neto faz a velha política como o avô. Por isso, ganha o batismo de Netinho Malvadeza.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Carlos Augusto
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).