Prêmio reconhece ações inovadoras de servidores estaduais da Bahia

Prêmio Boas Práticas.
Prêmio Boas Práticas.
Entrega da edição 2017 do prêmio Boas Práticas.
Entrega da edição 2017 do prêmio Boas Práticas.

Servir o público é uma grande responsabilidade. Para exaltar quem executa esse papel, a Secretaria da Administração da Bahia (SAEB) criou o Prêmio Boas Práticas de Trabalho no Serviço Público Estadual, que já acumula quase mil inscrições desde 2007. A solenidade de premiação da 9ª edição foi realizada na tarde desta quinta-feira (26/10/2017), no auditório do Centro de Operações e Inteligência de Segurança Pública 2 de Julho, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador.

Em 2017, o prêmio registrou 167 projetos inscritos, número que representa mais que o dobro em relação ao ano passado. Para o titular da Saeb, Edelvino Góes, “esse sucesso se deve à consolidação do prêmio, um dos principais instrumentos que mostram o quanto a Bahia tem servidores talentosos e comprometidos, que promovem o aprimoramento da máquina”.

Na plateia, mais de 250 autoridades, servidores do Executivo Estadual, além dos poderes Legislativo e Judiciário, tribunais de Contas do Estado e do Município, Ministério Público da Bahia e Defensoria Pública da Bahia conferiram o anúncio dos vencedores. A cada edição, dez servidores são premiados e R$ 32 mil são distribuídos entre eles.

As práticas são executadas na capital e no interior baiano e integram as mais diferentes áreas. O médico Bruno Gil, que atua no Instituto Médico Legal (IML) Nina Rodrigues, conquistou a primeira colocação após alterar o padrão de realização de exames necroscópicos por morte natural, gerando uma economia de R$ 50 mil apenas nos primeiros 28 dias de atividade. “[A morte] é um momento tão doloroso, que se fazia imperativo criar uma estratégia para possibilitar que essas pessoas pudessem se despedir do ente querido da maneira mais íntegra e rápida possível”, esclarece o servidor, que ganhou o prêmio de R$ 10 mil.

O terceiro lugar ficou com a coordenadora de Enfermagem do Centro de AVC do Hospital Geral Roberto Santos (HGRS), Ludimila Muniz. A profissional desenvolveu um projeto que leva informações sobre o acidente vascular cerebral à população, por meio da capacitação de agentes comunitários de saúde.

“Meus pais foram servidores públicos que tiveram o trabalho reconhecido, e eu tive um exemplo a seguir para hoje poder mostrar ao meu filho que dedicação, competência e compromisso podem mudar a realidade de onde a gente vive”, destaca Ludimila. O segundo lugar do Boas Práticas foi para o projeto ‘Automação para Centrais de Cumprimento de Mandados’, desenvolvido por Osenar dos Santos Silva, servidor do Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA).

Legado

Majoritariamente, o prêmio visa fomentar e valorizar as práticas que tornem o trabalho público cada vez mais eficiente e humano, levando em consideração fatores como inovação e efetividade. As escolhas, ao longo desses anos, mostraram-se acertadas, uma vez que, segundo a Saeb, 81% das ações contempladas seguem sendo aplicadas.

Na ocasião, Edelvino anunciou o lançamento do Banco de Boas Práticas (www.inova.saeb.ba.gov.br), ambiente online que abriga todas as ações vencedoras das nove edições do prêmio e uma seção em que servidores podem inscrever as ações que estão implementando. O banco também pode ser acessado pelo Portal do Servidor (www.portaldoservidor.ba.gov.br).

Confira a lista completa dos vencedores (por ordem de classificação):

Bruno Gil de Carvalho Lima – Intervenção no Instituto Médico Legal Nina Rodrigues sobre a Demanda por Exames Necroscópicos de Mortes Naturais;

Osenar dos Santos Silva    – Automação para Centrais de Cumprimento de Mandados

Ludimila Santos Muniz – O AVC mata e incapacita. Nossa ação faz a diferença

Maria do Carmo Machado de Souza/Natalia Leoni – Projeto de Combate ao Trabalho Infantil CEASA

Jocimar Caetano da Silva  – Dispositivo de Proteção contra exposição ao Cloro

Uilma Santos Pesqueira – Coleta de pressão um estudo para tornar eficiente o abastecimento de água diante de uma realidade de demanda reprimida em região de grande período de estiagem

João Felipe Oliveira de Menezes  – Projetos Cartórios Integrados

João Carlos de Pádua Andrade    – A Extensão Universitária como instrumento de disseminação do Conhecimento e Desenvolvimento para Comunidades desprovidas de oportunidades

Geisa Copello Thomaz, Simone Santana, Luz Marina Silva e Fernanda Costa – Projeto Porta de Saída Estarei Livre, e agora?!

Hérlon Conceição Santos Lima –  Implantação do Programa RPAS da PMBA

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108860 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]