ALBA: deputado Alex Lima afirma que subserviência é a marca do Carlismo; comentário é resposta ao aliado do prefeito ACM Neto e confirma assunção de golpistas ao poder da República

Alex Lima: quem está acostumado com mentiras e articulações para desqualificar o trabalho alheio e prejudicar o andamento do desenvolvimento do estado são os aliados dos Democratas.
Alex Lima: quem está acostumado com mentiras e articulações para desqualificar o trabalho alheio e prejudicar o andamento do desenvolvimento do estado são os aliados dos Democratas.
Alex Lima: quem está acostumado com mentiras e articulações para desqualificar o trabalho alheio e prejudicar o andamento do desenvolvimento do estado são os aliados dos Democratas.
Alex Lima: quem está acostumado com mentiras e articulações para desqualificar o trabalho alheio e prejudicar o andamento do desenvolvimento do estado são os aliados dos Democratas.

O deputado Alex Lima (Podemos) rebateu as declarações do presidente do FNDE, Sílvio Pinheiro, e afirmou que o grupo político de Jaques Wagner e Rui Costa não atua na base de articulações maldosas e chantagens.

“Quem está acostumado com mentiras e articulações para desqualificar o trabalho alheio e prejudicar o andamento do desenvolvimento do estado são os aliados dos Democratas. Silvio Pinheiro sabe muito bem a força de Rui Costa na Bahia, por isso recebeu os 300 prefeitos com o mesmo discurso da ‘faca no pescoço’: ou apoia Neto e seus deputados ou irá sofrer com a perseguição do Governo Federal. Isso sim é subserviência, marca registrada do Carlismo”, disse.

Ainda de acordo com o parlamentar, chantagens contra os prefeitos e lideranças, são ações já esperadas de um governo apoiador do golpe e do boicote aos baianos, com o barramento do empréstimo.

“De um lado temos um governador atuante em todo o estado e do outro um aliado do golpe, que serviu apenas para vender nossas riquezas, retirar direitos dos trabalhadores e diminuir os programas sociais, como o Bolsa Família. A Bahia sabe quem trabalha por ela, mas infelizmente há subservientes como Silvio Pinheiro, que executa a ordem de perseguir aqueles que não cedem à chantagem da política do chicote”, finalizou.

Golpe

Sílvio Pinheiro foi indicado ao cargo federal pelo prefeito ACM Neto (DEM), após o Golpe Parlamentar de 2016. A confirmação do Golpe Parlamentar é evidenciada quando o grupo político derrotado, na eleição de 2014 para presidente da República, assume cargos no governo federal, retirando do poder o grupo político vitorioso, liderado pela presidente Dilma Rousseff (PT).

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 115124 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.