Vereador lamenta exoneração de procurador Magno Felzemburgh e diz que o Legislativo de Feira de Santana precisa ser independente

Ewerton Carneiro: tenham certeza de que podem contar comigo e quero dizer a esta Casa que o Poder Legislativo de Feira de Santana tem que ser independente.
Ewerton Carneiro: tenham certeza de que podem contar comigo e quero dizer a esta Casa que o Poder Legislativo de Feira de Santana tem que ser independente.
Ewerton Carneiro: tenham certeza de que podem contar comigo e quero dizer a esta Casa que o Poder Legislativo de Feira de Santana tem que ser independente.
Ewerton Carneiro: tenham certeza de que podem contar comigo e quero dizer a esta Casa que o Poder Legislativo de Feira de Santana tem que ser independente.

O vereador Ewerton Carneiro (Tom, PEN), durante pronunciamento na tribuna da Casa Legislativa de Feira de Santana nesta terça-feira (05/09/2017), lamentou a exoneração de Magno Felzemburgh do cargo de Procurador Geral da Câmara Municipal de Feira de Santana e negou que o do advogado estava legislando em sua defesa enquanto atuava interinamente a presidência da Casa, conforme declarado pelo então presidente eleito José Carneiro (PSDB).

“Quero deixar bem claro que quem nomeou esse grande advogado Magno Felzemburgh foi o saudoso vereador Ronny. Um advogado de honra, de caráter inabalável de com conhecimento muito forte. Mas, no momento em que participamos da reunião da Mesa Diretiva da Casa eu deixei bem claro que a prerrogativa para nomeações é do presidente de ter pessoas de sua confiança. Quero deixar claro que o Dr. Magno não é advogado meu”, explicou.

O edil destacou o desempenho do ex-procurador no cumprimento de suas funções. “No momento em que ele estava como procurador e essa Casa passou por momentos difíceis, quando houve até um racha no grupo, desespero, chororô, ele passou as orientações da forma mais correta”, afirmou solicitando realização de reunião com a Mesa Diretiva para tratar de assuntos de interesse do Poder Legislativo.  “Vou esperar essa reunião com a Mesa e logo após vou explanar o assunto a todos os vereadores de Feira de Santana”, declarou.

Na oportunidade, o vereador Tom, ao se solidarizar com os professores da rede pública presentes das galerias e declarou que o Poder Legislativo precisa agir com independência. “Tenham certeza de que podem contar comigo e quero dizer a esta Casa que o Poder Legislativo de Feira de Santana tem que ser independente. Volto a repetir, o Legislativo feirense tem que ser independente”, finalizou.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108297 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]