Vereador Cadmiel Pereira critica governador por descaso e falta de compromisso com Feira de Santana

Cadmiel Pereira: o governo Rui Costa está deixando muito a desejar para Feira de Santana com relação ao que foi prometido.
Cadmiel Pereira: o governo Rui Costa está deixando muito a desejar para Feira de Santana com relação ao que foi prometido.
Cadmiel Pereira: o governo Rui Costa está deixando muito a desejar para Feira de Santana com relação ao que foi prometido.
Cadmiel Pereira: o governo Rui Costa está deixando muito a desejar para Feira de Santana com relação ao que foi prometido.

Durante pronunciamento na tribuna da Câmara Municipal de Feira de Santana nesta segunda-feira (25/09/2017), o vereador Cadmiel Pereira voltou a cobrar do governador do Estado, Rui Costa, o cumprimento de promessas feitas para o município durante campanha eleitoral. O edil destacou a necessidade de construção de um novo hospital e da realização das obras de saneamento nos bairros localizados no entorno da Lagoa Grande.

“O governo Rui Costa se gaba em dizer que fez a avenida Noide Cerqueira, isso não é verdade, quando ele assumiu a obra já estava feita. Passou três anos prometendo um viaduto e inaugurou o viaduto saci-pererê, faltando uma perna. Exibiu no programa eleitoral que no primeiro semestre construiria um hospital regional para o município e região, recebemos foi uma placa comemorando a comemoração do hospital em outra cidade e agora promete uma policlínica regional, que não é uma unidade de alta complexidade e vai continuar agravando o problema de superlotação do Clériston Andrade”, pontuou.

O vereador criticou, ainda, a não realização das obras de saneamento básico na região da Lagoa Grande. Segundo ele, foi realizado trabalho de paisagismo, mas a população continua sofrendo com ausência de esgotamento sanitário. “O pavimento do Caseb e do Ponto Central está todo destruído, todo acabado. A terceirizada da Embasa não deu conta de resolver as ruas que estão na região do Parque Getúlio Vargas. Isso é dizer que está investindo em Feira de Santana? R$ 12 milhões para Feira de Santana, que disse ter sido investido na Noide, não é nem um passeio que está sendo batido no Centro Histórico de Salvador. É governador só para a Capital? Feira tem o que do Governo do Estado? Só promessas”, disse.

O edil destacou a necessidade dos eleitores elegeram o máximo de deputados federais representantes do município para assegurar a destinação de emendas para obras na cidade. “O governo Rui Costa está deixando muito a desejar para Feira de Santana com relação ao que foi prometido. Já vai começar nova propaganda eleitoral para o novo pleito e vai começar novamente a maquiagem”, afirmou.

Em aparte, o vereador Alberto Nery (PT) afirmou que o Governo Municipal não dá atenção devida à manutenção das obras realizadas pelo governo estadual. Segundo ele, a construção de hospitais em outros municípios contribui para diminuição da demanda de pacientes oriundos de outras regiões no Hospital Geral Clériston Andrade. Nery afirmou, ainda, que a Embasa atende às solicitações de serviços realizadas pela comunidade.

Saúde

Para a vereadora Aldney Bastos (Neinha, PTB), o Governo do Estado não tem respeito pela população feirense. “Quando se trata desse assunto referente a construção dessa nova policlínica fica claro que o Governo do Estado quer ver o povo morrer, porque uma policlínica jamais vai poder permanecer com um paciente que precisa de atendimento de alta complexidade, por exemplo. O tomógrafo do Clériston Andrade está há cerca de 30 dias quebrado. Esse governo está fazendo de Feira de Santana um nada”, afirmou.

O vereador e líder governista Luiz Augusto de Jesus (Lulinha, DEM) também reforçou as críticas. “Várias promessas do governador não foram cumpridas. Ele tem descaso por Feira, não gosta desse município e não gosta da região que deu a ele a maior votação para sua eleição”, criticou.

Para finalizar, o vereador Cadmiel Pereira informou que irá fazer levantamento de todas as obras de responsabilidade do Estado que estão paralisadas e as promessas que não foram cumpridas e apresentar no Plenário da Casa. “Inclusive, a liberação dos tratores para o município foi resultado de emenda impositiva dos deputados. Não foi do Governo. Foram os deputados que trouxeram os equipamentos para Feira de Santana”, finalizou.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108727 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]