Governador Rui Costa decreta emergência em 173 municípios; estiagem prolongada afeta recursos hídricos

Barragem de Pedras Altas, em Capim Grosso, opera com reserva técnica.
Barragem de Pedras Altas, em Capim Grosso, opera com reserva técnica.
Barragem de Pedras Altas, em Capim Grosso, opera com reserva técnica.
Barragem de Pedras Altas, em Capim Grosso, opera com reserva técnica.

Devido à falta de chuvas em grande parte do estado da Bahia, o governador Rui Costa, publicou nesta quinta-feira (14/09/2017), no Diário Oficial da Bahia, a situação de emergência em 173 municípios.

O decreto segue instrução normativa do Ministério da Integração Nacional, que estabelece critérios para a decretar situação de emergência nas cidades, nos estados e no Distrito Federal. Após a publicação, a lista segue para a esfera federal, que pode fornecer auxílio complementar, inclusive financeiro.

No estado da Bahia, o decreto de emergência em 173 municípios tem prazo de 180 dias, porque os baixos índices pluviométricos têm provocado “graves prejuízos às atividades produtivas”, a exemplo da agricultura e pecuária.

Em março deste ano, o governo federal chegou a reconhecer a situação de emergência em mais de 100 municípios, número que chegou a superar os 300, por falta de chuva. A medida valia por 180 dias e o prazo que se encerra neste mês de setembro. Algumas cidades citadas no decreto de março continuam com baixos índices pluviométricos.

Segundo a meteorologista do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) Cláudia Valéria a estiagem na maior parte desses municípios é comum entre os meses de março e novembro. Por isso, espera-se que até a primeira quinzena de novembro, volte a chover em algumas cidades.

“Esse período [de março até novembro] é mais comum que chova na faixa litorânea do estado e em cidades do Recôncavo Baiano. Mas no restante da Bahia, principalmente no Centro-Oeste, o período é realmente seco, como sempre”, disse.

A meteorologista explica que mesmo no período chuvoso entre novembro e março, em algumas cidades, “este ano choveu menos que o esperado, o que fez com que a situação se configurasse de uma forma complicada”.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109755 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]