Em nova estimativa do IBGE, dois municípios baianos podem perder receita do FPM; Feira de Santana mantém crescimento demográfico

Brasileiro está menos confiante na economia.
Brasileiro está menos confiante na economia.
Brasileiro está menos confiante na economia.
Na Bahia, oito municípios obtiveram ganho populacional significativo, que mudou o coeficiente de distribuição do FPM positivamente, de acordo com estudo da UPB.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou no Diário Oficial da União da nesta quarta-feira (30/08/2017), a estimava populacional de 2017. Nela a população brasileira passou de 206.114.067 para 207.660.929 habitantes, representando uma taxa de crescimento de 0,77%, ou seja, 1.546.862 pessoas a mais em território nacional. Na estimativa, o estado da Bahia ultrapassou os 15 milhões de habitantes, alcançando 15.344.447 pessoas em seu território.

A contagem populacional é um dos parâmetros utilizados pelo Tribunal de Contas da União (TCU) no cálculo do Fundo de Participação de Estados (FPE) e Municípios (FPM). É através dessa estimativa e de indicadores econômicos e sociodemográficos que é distribuído o recurso do fundo. Na Bahia, oito municípios obtiveram ganho populacional significativo, que mudou o coeficiente de distribuição do FPM positivamente, resultando no acréscimo do repasse para 2018. São eles: Barreiras, Caculé, Esplanada, Itambé, Macaúbas, Maiquinique, Nordestina e Rio de Contas.

“Lutamos, desde o início do ano, e conseguimos formalizar esse acréscimo populacional em tempo hábil. Tínhamos perdido o distrito de São José do Colônia, mas ele foi reintegrado por conta da divisão territorial e estávamos trabalhando com um ‘déficit’ de FPM. Com o aumento do FPM para 2018, vamos ter um fôlego nas contas públicas do município, que estão em uma dificuldade tremenda”, disse o prefeito de Itambé, Eduardo Gama.

No outro extremo, dois municípios tiveram decréscimo populacional que pode implicar em perda de receita, com uma nova classificação de coeficiente do fundo. São eles: Coronel João Sá e Ibiassucê. Nesses casos, a União dos Municípios da Bahia (UPB), orienta que os prefeitos dos municípios prejudicados entrem com recurso junto ao IBGE para a revisão da estimativa de população, com o intuito de manter para o próximo ano os mesmos valores do FPM repassados hoje. A assessoria jurídica da entidade está à disposição para elucidar dúvidas e questionamento dos gestores.

ESTUDO DA UPB COM BASE NA RESOLUÇÃO IBGE Nº 04/2017

Municípios com menor população do estado

Município | População 2018

Catolândia | 3.669

Lafaiete Coutinho | 3.975

Lajedinho | 4.017

Lajedão | 4.068

Dom Macedo Costa | 4.212

Municípios com maior população do estado

Município| População 2018

Salvador | 2.953.986

Feira de Santana | 627.477

Vitória da Conquista | 348.718

Camaçari | 296.893

Juazeiro | 221.773

Itabuna | 221.046

Dois municípios baianos tiveram redução na Previsão Coeficiente do FPM para 2018. São eles: Coronel João Sá e Ibiassucê;

Oito municípios baianos tiveram crescimento na Previsão Coeficiente do FPM para 2018. São eles: Barreiras, Caculé, Esplanada, Itambé, Macaúbas, Maiquinique, Nordestina e Rio de Contas.

407 municípios  baianos mantiveram a Previsão Coeficiente do FPM para 2018 mantiveram;

135 municípios tiveram redução populacional;

279 municípios tiveram crescimento populacional;

3 municípios e mantiveram população.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 120542 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.