“Que a juventude assuma o destino desta nação”, diz ex-presidente Lula, em Cruz das Almas

Em evento em Cruz das Almas, na Bahia, Lula contou a história de sua iniciação na política e convocou a juventude a participar da política.

Em evento em Cruz das Almas, na Bahia, Lula contou a história de sua iniciação na política e convocou a juventude a participar da política.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva convocou a juventude a participar da política e a sonhar grande no 4º Festival Municipal da Juventude de Cruz das Almas, na Bahia. Lula foi convidado para dar a palestra de tema Juventude, participação e cidadania. O evento ocorreu na sexta-feira (18/08/2017).

“Não sejam tão desinformados quanto eu, que aceitava a propaganda na televisão, dizendo que ninguém deve gostar de política, que política não presta, que na política só tem ladrão”.

“O Congresso Nacional ou a Assembleia da Bahia representa o comportamento de cada um no dia da eleição. Às vezes você xinga um cara de ladrão e nem lembra que um dia votou nele. Nem lembra o que ele prometeu que ia fazer para poder cobrá-lo”.

Lula lembrou que ele próprio só tinha diploma primário antes de fazer o curso do Senai e convocou os jovens a sonhar grande. “Se eu, que estudei menos do que muitos de vocês, cheguei a presidente da República, vocês têm obrigação moral e política de serem mais do que eu. Vocês têm de assumir a responsabilidade de fazer aquilo que acham que eu ou outros políticos deveriam fazer”.

Falando para uma plateia composta por uma maioria de jovens, Lula contou a história de sua iniciação na política. “Eu era sindicalista e dizia que não gostava de política e não gostava de quem gosta de política. A elite me adorava. Diziam que eu era o ‘sindicalista puro’, que não queria poder, só aumento de salário”. Até que, certa vez, o governo militar tentou fazer uma lei proibindo o direito de greve a várias categorias. “Fui a Brasília e, em todo Congresso, só tinha dois deputados metalúrgicos. E eu percebi que eu estava sendo um grande babaca. Como eu queria que os deputados votassem projetos de interesse do trabalhador se no Congresso não tinha trabalhador?”. Foi aí então que Lula teve a ideia de fundar um partido político.

Jean Wyillis

Em seu discurso, Lula elogiou o deputado do PSOL do Rio de Janeiro Jean Wyllis: “Eu gostaria muito que todos que se dizem muito machos tivessem apenas um pouco da dignidade do Jean Wyllis”.

Que a juventude assuma o destino desta nação

Eles se enganam ao pensar que tentando tirar o Lula da política eles resolverão o problema deles. O Lula é só uma pessoa. O que eles precisam temer são os milhões e milhões de pessoas que não querem mais viver sob complexo de vira latas”. E encerrou: “Que a juventude assuma o destino desta nação”.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]