Mata de São João – Praia do Forte: exposição fotográfica conta história da proteção às baleias na Bahia

Imagem de mamífero na costa do litoral baiano é exposta no Projeto Baleia Jubarte.
Imagem de mamífero na costa do litoral baiano é exposta no Projeto Baleia Jubarte.
Imagem de mamífero na costa do litoral baiano é exposta no Projeto Baleia Jubarte.
Imagem de mamífero na costa do litoral baiano é exposta no Projeto Baleia Jubarte.

‘Entre Baleias’ é o nome da exposição fotográfica que estará até dia 17 de setembro de 2017 no TAMAR Praia do Forte, em Mata de São João, Bahia. O Projeto Baleia Jubarte começou no final dos anos 80 a pesquisar e proteger esses animais no país. Desde então, os resultados para a conservação dessa espécie levam para mais longe a bandeira da proteção aos oceanos.

O Projeto Baleia Jubarte foi criado em 1988 para proteger a baleia jubarte na região do Banco dos Abrolhos, principal berçário da espécie em todo o Atlântico Sul Ocidental e desenvolver atividades socioeducativas com comunidades litorâneas da região, através da informação e educação ambiental. Posteriormente, as ações se estenderam para o Norte da Bahia, onde foi fundada a segunda base do projeto, na Praia do Forte. Com o patrocínio da Petrobras desde 1996, o Projeto já conquistou muitos desafios e o principal deles foi o considerável aumento populacional dessa espécie, que em 2014 foi retirada da Lista de Espécies da Fauna Brasileira Ameaçadas de Extinção.

A Petrobras tem um compromisso com a biodiversidade marinha patrocinando, por meio do Programa Petrobras Socioambiental, Projetos que preservam espécies interligadas ecologicamente. O Jubarte e o TAMAR integram jutamente com o Albatroz, Coral Vivo e Golfinho Rotador, a Rede Biomar, que completou 10 anos em 2017, e tem o objetivo de conservar a biodiversidade marinha no Brasil, atuando na proteção e pesquisa de espécies e dos habitats relacionados. Do fundo do mar a gente entende.

O Projeto TAMAR começou nos anos 80 a proteger as tartarugas marinhas no Brasil. Com o patrocínio da Petrobras, hoje, o Projeto é a soma de esforços entre a Fundação Pró-TAMAR e o Centro Tamar/ICMBio. Trabalha na pesquisa, proteção e manejo das cinco espécies de tartarugas marinhas que ocorrem no Brasil, todas ameaçadas de extinção: tartaruga-cabeçuda (Caretta caretta), tartaruga-de-pente (Eretmochelys imbricata), tartaruga-verde (Chelonia mydas), tartaruga-oliva (Lepidochelys olivacea) e tartaruga-de-couro (Dermochelys coriacea). Protege cerca de 1.100 quilômetros de praias e está presente em 25 localidades, em áreas de alimentação, desova, crescimento e descanso das tartarugas marinhas, no litoral e ilhas oceânicas dos estados da Bahia, Sergipe, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Ceará, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Santa Catarina.

Agenda

Exposição fotográfica Entre Baleias

Data: até 17 de setembro de 2017

Local: Projeto TAMAR Praia do Forte, Mata de São João, Bahia.

Exposição fotográfica 'Entre Baleias'.
Exposição fotográfica ‘Entre Baleias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 115124 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.