Festival Música na Escola ocorre na Praça Monsenhor Renato Galvão, em Feira de Santana

Apresentação de estudantes do 1º Festival Música na Escola.

Apresentação de estudantes do 1º Festival Música na Escola.

Apresentações musicais em diversas modalidades e instrumentos com a participação de 2.700 alunos desde a Educação Infantil ao Ensino Fundamental II vão marcar o 1º Festival Música na Escola que vai acontecer esta sexta-feira (25/08/2017), a partir das 14 horas, na Praça Monsenhor Renato Galvão, a Praça da Matriz.

O Festival é uma mostra dos talentos revelados pelo programa desde a sua fundação, em 2015; reunirá apresentações de todas as modalidades, com alunos das creches, as fanfarras, os corais, os grupos de alunos que tocam instrumentos específicos como violão, acordeom, teclado e violino – que recebe o nome de Instrumenta – e finalmente a Orquestra Sinfônica Infantojuvenil do Sertão. Os estudantes vão apresentar repertórios diversificados com canções da Música Popular Brasileira, regionais, clássicas e modernas.

No próximo ano, a Seduc pretende aumentar em 80% o raio de atuação do programa, passando a atender 5.500 estudantes nas atividades oferecidas nas escolas municipais. O número atual é 2.700.

“A proposta do programa não é apenas apresentar a música aos alunos, mas através dela, incentivar o desenvolvimento deles, o gosto pela arte e valorizar a autoestima, resultados que hoje já comprovamos”, destaca Jayana Ribeiro. “O programa vem transformando os espaços de aprendizagem e o comportamento dos estudantes, que precisam manter a frequência nas aulas regulares e serem participativos para que possam ser beneficiados com as aulas de música”, explica.

A família é outra incentivadora do Música na Escola, com relatos bastante significativos e pais bastante empolgados. Foram destacadas na coletiva características importantes da iniciativa, como a inclusão social, o trabalho com estudantes de diversas idades e a valorização dos alunos. A imprensa assistiu à apresentação de estudantes do programa, matriculados na Escola Municipal Comendador Jonathas Telles de Carvalho, do bairro Conceição II, que participam de atividades do Instrumenta.

“Nunca tinha tocado um instrumento antes e quando comecei com o teclado, gostei demais. Sempre tive admiração pela música, mas ter essa oportunidade foi algo que mudou a minha vida, era o incentivo que faltava. Hoje tenho meu próprio teclado e estudo também em casa”, conta Kleberson Sampaio, aluno do 9º ano da Jonathas Telles de Carvalho.

A relevância do festival foi também destacada pelo secretário de Comunicação, Valdomiro Silva. “Mostrar os resultados de um programa como este é muito importante, pois nos lembra da necessidade de investir em políticas públicas voltadas para as artes. Os alunos do programa hoje serão multiplicadores no futuro, quem sabe novos professores”, aposta.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]