Diretores do CIS, da SUDIC e secretário municipal destacam CLM Subaé como empreendimento imobiliário de alta qualidade, pronto à receber empresas em Feira de Santana

O Centro de Logística e Multiuso Subaé (CLM Subaé) foi implantando em Feira de Santana. A cidade possui um dos melhores posicionamentos, em nível de país, para implantação de projetos logísticos e industrial.
O Centro de Logística e Multiuso Subaé (CLM Subaé) foi implantando em Feira de Santana. A cidade possui um dos melhores posicionamentos, em nível de país, para implantação de projetos logísticos e industrial.
O Centro de Logística e Multiuso Subaé (CLM Subaé) foi implantando em Feira de Santana. A cidade possui um dos melhores posicionamentos, em nível de país, para implantação de projetos de logística e industrial.
O Centro de Logística e Multiuso Subaé (CLM Subaé) foi implantando em Feira de Santana. A cidade possui um dos melhores posicionamentos, em nível de país, para implantação de projetos logísticos e industrial.
Carlos Kruschewsky Filho, gerente da FCK Construções e João Pedro Kruschewsky, engenheiro do CLM Subaé apresentam empreendimento à diretores de autarquias estaduais e secretário municipal.
Carlos Kruschewsky Filho, gerente da FCK Construções e João Pedro Kruschewsky, engenheiro do CLM Subaé apresentam empreendimento à diretores de autarquias estaduais e secretário municipal.

Diretores de autarquias estaduais da Bahia e secretário do município de Feira de Santana visitaram as instalações do Centro de Logística e Multiuso Subaé (CLM Subaé) — empreendimento imobiliário erguido no Centro Industrial Subaé, Núcleo BR 324, em Feira de Santana — pela FCK Construções e Incorporações. Durante a visita, os representantes governamentais destacaram a qualidade construtiva do condomínio logístico e multiuso, além de avaliarem positivamente o potencial para atração de empresas dos setores industrial, logístico e comercial.

Na oportunidade, conheceram as instalações do CLM Subaé, José da Paz, diretor geral do Centro Industrial do Subaé (CIS); Jairo Vaz, diretor presidente da Superintendência de Desenvolvimento Industrial e Comercial do Governo da Bahia (SUDIC), e Antonio Carlos Borges Junior, secretário do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico de Feira de Santana. Eles foram recepcionados pelos representantes do empreendimento, Carlos Kruschewsky Filho, gerente administrativo da FCK e João Pedro Kruschewsky, engenheiro responsável pelo CLM Subaé.

Durante a visita, os representantes governamentais comentaram sobre CLM Subaé, avaliando como excelente oportunidade de investimento imobiliário para executivos que querem implantar, em Feira de Santana, empresas que atuam no transporte, indústria e comércio.

Avaliação

— O Estado vai dar todo apoio para que empresas sejam implantadas no Centro de Logística e Multiuso Subaé, inclusive, com investimento. O CLM Subaé é um empreendimento de relevância para a Região Metropolitana de Feira de Santana (RMFS). — Comentou José da Paz, diretor do CIS.

— A iniciativa privada tem um papel muito importante para o desenvolvimento industrial e de logística do Estado da Bahia. Investimentos como o Centro de Logística e Multiuso Subaé, dotados de loteamento pronto, polo industrial composto, dividido em condomínios, com infraestrutura de serviços instalada para atender a demanda por implantação de empresas são fundamentais. Posso afirmar que o CLM Subaé é um instrumento importante na atração de empresas para o município de Feira de Santana e, obviamente, para a Bahia. Acho que iniciativas como essa, certamente, deverão ser modelo à ser aplicado em outras cidades do estado. — Afirmou Jairo Vaz, diretor presidente da SUDIC.

— O CLM Subaé é um projeto de ampla magnitude e é importante para a Região Metropolitana de Feira de Santana (RMFS). Ele é dotado de completa infraestrutura para atração de empresas dos setores industrial, logístico e comercial. Observo que o Centro de Logística possui projeto arquitetônico e estrutural eficiente, oferecendo condições adequadas para executivos quem queiram instalar empreendimentos no município de Feira de Santana. — Declarou Antonio Carlos Borges Junior, secretário municipal de Feira de Santana.

Características do empreendimento

— O Centro de Logística e Multiuso Subaé (CLM Subaé) é um condomínio logístico implantando em zona industrial de Feira de Santana, em área regulamentada por decreto estadual e municipal. Dentre outros atrativos, o empreendimento possui licenciamento prévio e está habilitado a receber empresas nos segmentos industrial, atacadista, logístico e comercial.

— O CLM Subaé fica localizado a 500 metros da Rodovia BR 324 (ao lado da indústria Vipal Borrachas), em um terreno com 319 mil metros quadrados, sendo 220 mil metros quadrados destinados a área bruta locável, 36 mil metros quadrados à área verde e 63 mil metros quadrados destinados ao sistema viário do condomínio logístico e área institucional do município de Feira de Santana.

— O Centro Logístico possui infraestrutura completa, com sistema viário pavimentado para tráfego de caminhões pesados, rede elétrica de alta tensão, rede de água potável, rede de voz e dados, rede de gás, sistemas de esgotamento sanitário e drenagem pluvial.

— O condomínio logístico foi divido em cinco módulos com áreas que oscilam entre 40 e 50 mil metros quadrados. Os módulos podem ser agrupados em áreas maiores e um deles foi projetado para venda de lotes fracionados. Além da infraestrutura citada, os módulos contam com muro em concreto armado, e sistema de guarita blindada.

Baixe fôlder da apresentação do CLM Subaé 

Fôlder 1 do Centro de Logística e Multiuso Subaé (CLM Subaé)

Fôlder 2 do Centro de Logística e Multiuso Subaé (CLM Subaé)

Confira vídeo do empreendimento

Sobre Carlos Augusto 9514 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).