Cineclube Walter da Silveira completa 2 anos

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Cartaz anuncia série de filmes curtas baianos dos anos 1980'.
Cartaz anuncia série de filmes curtas baianos dos anos 1980'.
Cartaz anuncia série de filmes curtas baianos dos anos 1980'.
Cartaz anuncia série de filmes curtas baianos dos anos 1980′.

Na sessão comemorativa de dois anos do projeto, o Cineclube Walter da Silveira se volta para os anos 80 com três curtas e um média perfazendo a filmografia baiana da década: A Lenda do Pai Inácio, de Pola Ribeiro; Porta de Fogo, de Edgard Navarro; Eletros, o grande momento, de José Araripe Jr. ; e Anil, de Fernando Belens.

A sessão Curtas Baianos Anos 80 acontece na Sala Walter da Silveira no próximo dia 12 de julho de 2017, quarta-feira, às 19h. A ação é realizada pela Dimas – Diretoria de Audiovisual da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb), entidade vinculada à Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA). Entrada franca. Após a projeção, acontecerá um debate com mediação de Bertrand Duarte, diretor da Diretoria da Dimas, e com os realizadores dos filmes.

“No círculo luminoso do audiovisual baiano os anos 80 começaram com a promessa de redemocratização do país e a morte de Glauber. Entre a utopia e a desilusão a década terminaria com o primeiro presidente eleito após a ditadura desmantelando todo o cinema brasileiro com a extinção do Embrafilme”, considera o gestor. Ele analisa que no meio de tudo isso uma geração de superoutros fez seu lume na Bahia, “com olhos livres para inventar mitos, sexualidade e formas, Fernando Belens, José Araripe jr, Edgar Navarro e Pola Ribeiro despontavam no cenário curta-metragista nacional para além das inesquecíveis jornadas”.

Sinopses

A lenda do Pai Inácio: Em meados do século XIX na região da Chapada Diamantina, um escravo foge para escapar da fúria de seu Senhor. Inácio, que tem uma paixão proibida com a Senhora, sobe o morro, que tem hoje o seu nome e pula de 200 metros, apenas com a sombrinha, lembrança de seu amor.

Eletros, o grande momento: Ficção científica que traz Edgard Navarro no papel de iconoclasta (pessoa que destrói imagens) perseguido pelo estado – um filme inspirado pelo próprio Navarro.

Porta de fogo: Curta-metragem baseado na trágica morte do capitão-guerrilheiro Carlos Lamarca e de seu companheiro Zequinha no sertão da Bahia, em setembro de 1971. Influenciado pela literatura de cordel, o filme inventa um encontro entre Lamarca e Lampião. Entendido como “contra o regime democrático”, o filme foi proibido pela ditadura, sendo exibido pela primeira vez em 1985.

Anil: É um curta-metragem, com duração de oito minutos, produzido em 1990. É um filme emblemático, que tem como o fio condutor, as roupas estendidas nos varais

Agenda

Onde: Sala Walter da Silveira, Barris | Salvador

Quando: 12 de julho de 2017, 19h

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113760 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]