UFBA descentraliza gestão de pavilhões de aula

Gestores dos pavilhões de aula da UFBA.
Gestores dos pavilhões de aula da UFBA.
Gestores dos pavilhões de aula da UFBA.
Gestores dos pavilhões de aula da UFBA.

A Reitoria da Universidade Federal da Bahia resolveu inovar na gestão dos seus oito pavilhões de aulas: a partir de agora, eles passam a ser administrados separadamente, por seis diferentes coordenadores, todos servidores do corpo técnico-administrativo da UFBA. O pavilhão de aulas do campus do Canela (PAC) e os pavilhões de aulas da Federação I, III e VI terão um gestor cada. Um mesmo coordenador acumulará os PAFs IV e V (em Ondina), e outro, os dois pavilhões do campus de São Lázaro.

A expectativa da medida, que descentraliza oficialmente a administração desses espaços, é reduzir a burocracia necessária para que problemas complexos, como a alocação de cursos e eventos em salas de aula e auditórios, ou simples, como a manutenção elétrica, sejam resolvidos com maior agilidade. A meta fundamental é acelerar a universalização do conceito de “sala de aula mínima” proposto pelo reitor João Carlos Salles: espaços dotados de equipamento de projeção audiovisual, computadores, climatização, iluminação e mesas e cadeiras adequados – ou seja, o “básico” em termos de infraestrutura e conforto para que uma aula aconteça.

“A forma de pensar a administração dos pavilhões centralizadamente funcionou enquanto havia apenas três unidades. Mas, agora que são oito, situados em diferentes bairros e campi, é muito importante que haja um responsável por cada núcleo”, avalia a professora Nancy Vieira, à frente da Supac (Superintendência de Administração Acadêmica), órgão responsável pela coordenação, fiscalização, execução e superintendência das atividades de ensino de graduação, pós-graduação e extensão da UFBA.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112785 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]