Presidente de Conselho de Comunidades Negras cobra explicações de Comissão da Casa Legislativa de Feira de Santana

Fachada da Câmara Municipal de Feira de Santana.Fachada da Câmara Municipal de Feira de Santana.


A presidente do Conselho Municipal de Participação e Desenvolvimento de Comunidades Negras, Lourdes Santana, no uso da tribuna livre, no plenário da Câmara Municipal de Feira de Santana nessa segunda-feira (26/06/2017), cobrou explicações da Comissão de Reparação, Direitos Humanos, Defesa do Consumidor e Proteção à Mulher, formada pelos vereadores Eremita Mota (PSDB), Edvaldo Lima (PP) e Marcos Lima (PRP).

Segundo Lourdes Santana, a Comissão cancelou a audiência que seria realizada em 8 de junho para discutir a violência contra os negros, contra a mulher e contra o público LGBT. “O encontro não aconteceu sem nenhuma justificativa. Quero dizer que essa Comissão de Reparação, Direitos Humanos, Direito do Consumidor e Proteção da Mulher não representa o movimento negro. Eu, como mulher negra, não me sinto representada”, declarou.

A presidente do conselho questionou a formação das comissões da Casa. “Sugiro que refaçam ou reestruturem essa comissão e orientem para a verdadeira função que ela tem. A Casa não pode criar comissões apenas para publicar no Diário Oficial da Câmara e no futuro participar de algum concurso e colocar em currículo que foi membro de uma comissão, que considero fantasma”, lamentou.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]