Feira de Santana: vereador José Carneiro destaca festa junina e critica Governo do Estado

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
José Carneiro: a Universidade Estadual de Feira de Santana foi invadida por bandidos, que sequestraram dois estudantes e, até agora, eu não vi o Estado se manifestar.
José Carneiro: a Universidade Estadual de Feira de Santana foi invadida por bandidos, que sequestraram dois estudantes e, até agora, eu não vi o Estado se manifestar.
José Carneiro: a Universidade Estadual de Feira de Santana foi invadida por bandidos, que sequestraram dois estudantes e, até agora, eu não vi o Estado se manifestar.
José Carneiro: a Universidade Estadual de Feira de Santana foi invadida por bandidos, que sequestraram dois estudantes e, até agora, eu não vi o Estado se manifestar.

Na manhã desta segunda-feira (26/06/2017), em pronunciamento na sessão ordinária da Casa Legislativa de Feira de Santana, o vereador José Carneiro (PSDB), após parabenizar Bira, do povoado de Alecrim Miúdo, distrito de Maria Quitéria, pela realização da 9ª edição da festa junina, denominada Carroça Elétrica, criticou o Governo do Estado, ressaltando a falta de reajuste salarial para os servidores públicos e a insegurança dentro da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS).

“Na semana passada, o Governo do Estado fez uma festa quando anunciou que pagaria 30% do salário dos servidores antecipado. É pra morrer de rir! Mas é pra morrer de rir mesmo! Eles anunciam 30% de antecipação salarial e fazem uma festa, fazem propagandas em televisão, jornal. Eles se esqueceram de que o prefeito ACM Neto antecipou 100% do salário dos servidores públicos da Prefeitura de Salvador. Eles não se lembram que, em Feira de Santana, o prefeito José Ronaldo de Carvalho antecipou 100% do salário dos servidores públicos do Município”, disse o edil, cobrando do governador Rui Costa (PT) reajuste salarial para o funcionalismo público, que, segundo ele, já tem três anos sem aumento.

Em seguida, José Carneiro falou da falta de segurança, informando que, na noite da última quarta-feira (21), houve um sequestro relâmpago dentro da UEFS.

“A Universidade Estadual de Feira de Santana, na semana passada, foi invadida por bandidos, que sequestraram dois estudantes e, até agora, eu não vi o Estado se manifestar, eu não vi a Universidade se manifestar, eu não vi ninguém levantar a voz para dar uma satisfação à comunidade universitária, que deve estar hoje tremendo de medo, porque pode, perfeitamente, estar numa sala de aula e a qualquer momento ser sequestrada por bandidos. Aí eu pergunto: a universidade não tem uma vigilância? Tem, pelo que eu sei tem sim uma vigilância. Será que é muito fácil ou é tão fácil invadir uma instituição, como a Universidade Estadual de Feira, para promover sequestro?”, questionou.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113541 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]