Feira de Santana: vereador apresenta indicação para criação da Escola Municipal de Formação de Técnico Social

Cadmiel Pereira: há concurso para a função de conselheiro tutelar e muitos que passam não sabem como atua o Conselho Tutelar.
Cadmiel Pereira: há concurso para a função de conselheiro tutelar e muitos que passam não sabem como atua o Conselho Tutelar.
Cadmiel Pereira: há concurso para a função de conselheiro tutelar e muitos que passam não sabem como atua o Conselho Tutelar.
Cadmiel Pereira: há concurso para a função de conselheiro tutelar e muitos que passam não sabem como atua o Conselho Tutelar.

No tempo do grande expediente, na sessão ordinária desta terça-feira (20/06/2017), na Casa Legislativa de Feira de Santana, o vereador Cadmiel Pereira (PSC) informou que, dentre as indicações feitas ao Poder Executivo, está a criação da Escola Municipal de Formação de Técnico Social. Segundo ele, a unidade educacional terá como finalidade habilitar pessoas que possuam interesse em atuar na assistência social.

“Existem 12 categorias de nível superior que podem ser contratadas para atuar em equipamentos de assistência social, porém na hora da composição destes equipamentos existem pessoas que não sabem o que é uma assistência social, não sabem o que é um CRAS, não sabem nem diferenciar um CRAS de uma CREAS. Há concurso para a função de conselheiro tutelar e muitos que passam não sabem como atua o Conselho Tutelar”, observou.

De acordo com o vereador, a Escola Municipal de Formação de Técnico Social não limitará as pessoas a atuarem apenas no Poder Público. “Irá servir também para as pessoas que têm habilidade no cuidado com idosos, por exemplo, mas precisam de um conhecimento técnico. Há ainda o cuidado com crianças, adolescentes e mais. Nesta escola deverá haver conteúdo programático e carga horária de política nacional de assistência social, de tipificação dos serviços sociais de assistência e outros. Acredito que o Poder Público pode colocar uma boa estrutura de capacitação para estas pessoas”, pontuou.

Ainda no uso da tribuna, Cadmiel afirmou que a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social pode avaliar também a possibilidade da criação de uma coordenação na pasta para assuntos relacionados à infância. “As crianças são o presente para o nosso país. Com infância boa, com condições de cultura, teremos bons adultos e isso será um presente para um país que tem a quarta maior população carcerária do mundo. Ressalvando mais que, quando não está encarcerada em unidades prisionais estão encarceradas aqui fora com a falta de segurança e de lazer”, analisou.

Por fim, Cadmiel lembrou da importância de se estabelecer regras e limites para as crianças. “As regras servirão para a atuação delas no futuro. Todos querem os direitos e esquecem dos deveres. É preciso lembrar o respeito que os alunos devem ter aos pais e professores. É preciso foco na política da infância, juventude, criança e adolescente”, findou.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109951 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]