Conjunto Penal de Juazeiro amplia número de vagas em 282%

Secretário Maurício Teles Barbosa visita Conjunto Penal de Juazeiro.
Secretário Maurício Teles Barbosa visita Conjunto Penal de Juazeiro.
Secretário Maurício Teles Barbosa visita Conjunto Penal de Juazeiro.
Secretário Maurício Teles Barbosa visita Conjunto Penal de Juazeiro.

O Conjunto Penal de Juazeiro, no norte da Bahia, teve um aumento de 282% no número de vagas. A solenidade de ampliação e operacionalização de quatro novos módulos do conjunto penal foi realizada nesta terça-feira (02/05/2017), com a participação dos secretários estaduais de Administração Penitenciária e Ressocialização, Nestor Duarte Neto, e da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

O Conjunto Penal de Juazeiro foi inaugurado em fevereiro de 2006, com a capacidade de 268 internos do sexo masculino. Desde então, passou por reformas que ampliaram a unidade em 80 vagas. Com a construção de quatro módulos, cada um com capacidade para 102 internos, o Conjunto Penal de Juazeiro agora possui 756 vagas. Atualmente, a unidade abriga 786 presos.

A Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização (Seap) determinou a ocupação desses módulos no início de abril, o que permitiu a separação de presos provisórios e sentenciados dentro do conjunto penal. “Essa unidade tem um índice excelente em nível Bahia e Brasil já que, praticamente, não haverá internos excedentes e, além disso, os dados de ressocialização também são muito positivos. Vamos continuar esse trabalho para que a unidade de Juazeiro continue melhorando, cada vez mais”, destacou Duarte.

Além do crescimento significativo de vagas, o conjunto penal mantém mais de 200 internos estudando efetivamente, do ensino fundamental ao médio, com o apoio do Colégio Estadual Polivalente Américo Tanuri e da Escola Municipal Professora Maria Franca Pires.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109890 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]