Vereador diz que prefeito tentou colocar população de Feira de Santana contra a APLB

Alberto Nery: a APLB reduziu de nove pontos para três pontos, para que chegassem a um entendimento e suspendesse a greve.
Alberto Nery: a APLB reduziu de nove pontos para três pontos, para que chegassem a um entendimento e suspendesse a greve.
Alberto Nery: a APLB reduziu de nove pontos para três pontos, para que chegassem a um entendimento e suspendesse a greve.
Alberto Nery: a APLB reduziu de nove pontos para três pontos, para que chegassem a um entendimento e suspendesse a greve.

Em pronunciamento na Câmara Municipal de Feira de Santana, nesta segunda-feira (17/04/2017), o vereador Alberto Nery (PT) teceu críticas ao prefeito José Ronaldo de Carvalho (DEM), afirmando que este tentou colocar a população contra o Sindicato dos Professores em Educação do Estado da Bahia (APLB -Feira), em virtude da greve da categoria que durou 19 dias.

O edil falou da sua participação e de outros vereadores para que a greve fosse encerrada.  “O prefeito José Ronaldo se dobrou diante da resistência dos trabalhadores da educação, porque esta Casa teve o zelo, teve o cuidado, através deste vereador, de propor a criação de uma comissão que fosse tentar intermediar as negociações entre a APLB e o poder público municipal”.

Nery disse que a referida comissão, que foi composta por ele e os vereadores José Carneiro (PSDB) e Eremita Mota (PSDB), dialogou com os manifestantes e conseguiu que os professores desocupassem o prédio do Centro de Atendimento ao Consumidor (Ceaf), onde faziam protesto.

“Em seguida, nós fomos, à tarde, para uma negociação com a secretaria de Educação, a senhora Jayana Ribeiro, e lá a APLB reduziu de nove pontos para três pontos, para que chegassem a um entendimento e suspendesse a greve. O prefeito de Feira de Santana não atendeu, resistiu à demanda dos professores e resolveu não negociar um dos pontos e, agora, ele se dobrou a APLB. Ele usou recursos públicos, através dos meios de comunicação, tentando colocar a população e os pais de alunos contra a APLB. E aí fica a minha pergunta: quem estava certo era o prefeito José Ronaldo ou a APLB na defesa dos direitos?”, indagou.

O petista disse que o chefe do Executivo Municipal não deu satisfação aos vereadores. “Nós não tivemos nem o respeito, vereador José Carneiro, de sermos convidados pelo prefeito José Ronaldo para nos informar sobre a decisão que eles tomaram lá, mas eu tenho certeza de que esta Casa cumpriu com o seu papel”.

Alberto Nery afirmou que vai entrar com um requerimento solicitando informações do poder público municipal sobre o valor que foi gasto com publicidade para “enganar” os pais de alunos das escolas municipais.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108035 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]