Prefeito de Conceição da Feira destaca investimento na educação e apoio para que 570 alunos frequentem universidades e cursos técnicos

Prefeito Raimundo da Cruz Bastos (Pompílio) diz que meta segundo mandato é ampliar a qualificação educacional do jovem conceiçoense.
Prefeito Raimundo da Cruz Bastos (Pompílio) diz que meta segundo mandato é ampliar a qualificação educacional do jovem conceiçoense.

O prefeito de Conceição da Feira, Raimundo da Cruz Bastos (Pompílio, PSD) — em entrevista exclusiva ao Jornal Grande Bahia, concedida na quarta-feira (05/04/2017) — revelou que uma das metas da administração é aprimorar a formação do jovem munícipe. Nesse aspecto, ele listou as realizações do setor da educação, destacando a implantação de creches, reforma e modernização da rede escolar, fornecimento de merenda escolar com boa qualidade, e incentivo a formação técnica e acadêmica do jovem conceiçoense.

“O Município de Conceição da Feira fornece transporte escolar, disponibilizando sete ônibus, nos três turnos (manhã, tarde e noite), com a finalidade de deslocar 570 jovens para instituições de ensino em Feira de Santana, Cachoeira (sede) e Capoeiruçu (distrito de Cachoeira). Nossa meta, neste segundo mandato, é ampliar a qualificação educacional do jovem conceiçoense”, afirmou Pompílio.

Além das medidas adotadas, o prefeito citou que a administração municipal firmou parceria com a Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS), através do programa ‘Universidade Para Todos’, com a finalidade de ministrar curso pré-vestibular para cerca de 120 alunos. Em convênio com o Instituto Federal da Bahia (IFBA), através do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (PRONATEC), jovens tem participado dos cursos de secretariado e auxiliar de escritório, e através de parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), foi ministrado o curso de padeiro.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Carlos Augusto 9745 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).