Portaria interministerial que fixa o preço do milho na Bahia é discutida em Brasília

Ministro da Agricultura, Blairo Maggi, recebe políticos da Bahia.
Ministro da Agricultura, Blairo Maggi, recebe políticos da Bahia.
Ministro da Agricultura, Blairo Maggi, recebe políticos da Bahia.
Ministro da Agricultura, Blairo Maggi, recebe políticos da Bahia.

O secretário da agricultura Vitor Bonfim esteve ontem (08/03/2017), com o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, solicitando urgência na publicação da portaria interministerial que libera e estipula o preço fixo em R$ 33,00 do milho subsidiado na Bahia. “Estamos empenhados em melhorar as condições dos pecuaristas do nosso estado, principalmente nesta época de seca. O ministro nos garantiu que já encaminhou a portaria para o Ministério da Fazenda e, assim que for publicada, as aquisições já poderão ser feitas nos armazéns com o valor estipulado em R$ 33,00”, assegurou o secretário.

Ainda em Brasília, o secretário se reuniu com o presidente da Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB), Marcelo Rodrigues Bezerra, e o diretor de operações e abastecimento da companhia, Jorge Luiz Andrade da Silva, para buscar maior celeridade na entrega do milho aos armazéns da Bahia. Já há milho disponível nos armazéns dos municípios de Entre Rios (100 t); Itaberaba (100 t); Ribeira do Pombal (500 t); Santa Maria da Vitória (30 t) e Irecê (1.400 t)

“Levamos à CONAB a necessidade de aumentar o número de armazéns, utilizando inclusive alguns armazéns do Estado para ofertar a venda ao balcão do milho subsidiado”, disse o secretário Vitor Bonfim. A ideia é aumentar a quantidade ofertada para o estado, assim como rever os critérios criados pela Conab para o calculo do milho, ampliando a quantidade ofertada por animal/dia.

 

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112612 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]