“A prefeitura de Salvador quer se apropriar das obras do governo do estado”, crítica deputado Alex Lima

ACM Neto ao lado de liderados. Primeiro, a articulação para tomada do poder da República, com a usurpação do mandato de Dilma Rousseff. Agora, a tentativa dos magalhistas de se apropriarem de projetos do PT.
ACM Neto ao lado de liderados. Primeiro, a articulação para tomada do poder da República, com a usurpação do mandato de Dilma Rousseff. Agora, a tentativa dos magalhistas de se apropriarem de projetos do PT.
ACM Neto ao lado de liderados. Primeiro, a articulação para tomada do poder da República, com a usurpação do mandato de Dilma Rousseff. Agora, a tentativa dos magalhistas de apropriarem de projetos do PT.
ACM Neto ao lado de liderados. Primeiro, a articulação para tomada do poder da República, com a usurpação do mandato de Dilma Rousseff. Agora, a tentativa dos magalhistas de se apropriarem de projetos do PT.

O deputado estadual Alex Lima (PTN) criticou a visita de Antônio Imbassahy (PSDB/BA), ministro da Secretaria do Governo, ao metrô em Salvador, sem a presença do governador Rui Costa (PT). “Isso é fruto da reunião que o prefeito de Salvador fez, para se apropriar das obras que Lula, Dilma, Wagner e Rui trouxeram para Salvador e para Bahia”, disse. “Não basta apoiar o golpe, retirar direitos dos trabalhadores e entregar nossas riquezas para os capital externo. Agora, eles tentam enganar o povo mais uma vez”, completou.

Alex Lima lembrou que as obras do metrô só foram destravadas após gestão do chefe do executivo. “Por muitos anos fomos motivos de chacota no país inteiro por causa de um metrô que nunca entrava no trilho. O governador assumiu a obra, assim como grande parte do custo estimado, e as obras só avançaram. Não vamos permitir mais esta ‘ponga’ nas ações de Rui Costa”, disse.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108756 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]