Vereador Roberto Tourinho revela o que lhe motivou a voltar à Câmara de Feira de Santana

Roberto Tourinho: Fizemos pela primeira vez a medição eletromagnética de todas as antenas de telefonia de Feira de Santana, desmistificando a informação de que elas estavam emitindo eletromagnéticos acima do permitido.Roberto Tourinho: Fizemos pela primeira vez a medição eletromagnética de todas as antenas de telefonia de Feira de Santana, desmistificando a informação de que elas estavam emitindo eletromagnéticos acima do permitido.
Roberto Tourinho: Fizemos pela primeira vez a medição eletromagnética de todas as antenas de telefonia de Feira de Santana, desmistificando a informação de que elas estavam emitindo eletromagnéticos acima do permitido.

Roberto Tourinho: Fizemos pela primeira vez a medição eletromagnética de todas as antenas de telefonia de Feira de Santana, desmistificando a informação de que elas estavam emitindo eletromagnéticos acima do permitido.

Durante pronunciamento, no uso da tribuna na sessão ordinária desta quarta-feira (22/02/2017), na Câmara Municipal de Feira de Santana, o vereador Roberto Tourinho (PV) revelou o que lhe motivou a retornar à Casa da Cidadania e fez agradecimentos aos servidores públicos e técnicos que trabalharam com ele quando estava à frente da Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

“Minhas primeiras palavras aqui são de parabéns aos vereadores eleitos de Feira de Santana, principalmente aos de primeiro mandato. Imagino a emoção que estão sentindo porque de igual modo senti no dia 1º de janeiro de 1989, quando aqui cheguei para cumprir meu primeiro mandato e permaneci até 31 de dezembro de 2012. Foram seis mandatos, 24 anos e muito aprendi com os inúmeros colegas que tive a oportunidade de conviver”, parabenizou dizendo mais que há uma diferença muito grande entre aquilo que o vereador deseja fazer e aquilo que eles podem fazer.

Tourinho explicou ainda que em 2012 não quis disputar a reeleição por entender que já tinha cumprido seu compromisso com a Casa da Cidadania e com o povo feirense. “Foi quando recebi o honroso convite do prefeito José Ronaldo para ser secretário de Meio Ambiente e aqui, de público, agradeço o bom convívio que tive com o quadro de funcionários da pasta. Ali também convivi com fiscais e técnicos: homens e mulheres retos, éticos e cumpridores de seus deveres. Durante os três anos e três meses que permaneci na pasta busquei cumprir com meu papel realizando muitas ações com o apoio do prefeito”, pontuou.

Ainda na tribuna Roberto Tourinho pontuou ações que realizou enquanto secretário de Meio Ambiente. “Fizemos pela primeira vez a medição eletromagnética de todas as antenas de telefonia de Feira de Santana, desmistificando a informação de que elas estavam emitindo eletromagnéticos acima do permitido; fizemos a medição da qualidade do ar de toda a cidade de Feira de Santana; elaboramos um projeto com técnicos da Caixa Econômica Federal e Secretaria de Planejamento de R$ 9.500.000,00 (nove milhões e meio) para monitoramento, requalificação e reurbanização de todas as lagoas da cidade, mas infelizmente por conta da crise não foi possível sua execução”, explanou.

O edil completou a explanação. “Colocamos em prática também o projeto ‘Feira quer Silêncio’, onde quase dois mil equipamentos sonoros foram apreendidos, entre eles sons de bares, restaurantes, veículos e templos religiosos que não respeitavam a lei fazendo com que a população fosse penalizada. Fizemos um bom trabalho com a Guarda Municipal, onde aqui agradeço em nome da subcomandante Cristina; SMT e Polícia Militar, agradeço em nome do comandante Adelmário Xavier. Com estas parcerias a Secretaria coibiu aqueles que estavam agindo à margem da lei”, ressaltou.

Após os agradecimentos Tourinho revelou o que, de fato, lhe fez retornar à Câmara de Feira de Santana. “Voltei pelo compromisso que assumi com os portadores de necessidades especiais, pois várias vezes fui procurado por eles e por pessoas que fazem parte de instituições como APAE, Cromossomos 21, União Baiana de Cegos- UBC e Associação Feirense de Surdos e Mudos. Vocês não imaginam as dificuldades que estas instituições e pessoas passam. Digo a todos que tenham certeza de que foram vocês que me fizeram voltar à esta Casa e retomo aqui o compromisso que fiz com cada entidade. Naquilo que puder ajudar e contribuir estarei aqui”, finalizou.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]