Assembleia Legislativa da Bahia elege mesa diretora para o biênio 2017/2019; Ângelo Coronel é candidato único à presidente

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Deputados definirão os novos dirigentes para o próximo biênio tendo Ângelo Coronel como candidato único à Presidência.
Deputados definirão os novos dirigentes para o próximo biênio tendo Ângelo Coronel como candidato único à Presidência.
Deputados definirão os novos dirigentes para o próximo biênio tendo Ângelo Coronel como candidato único à Presidência.
Deputados definirão os novos dirigentes para o próximo biênio tendo Ângelo Coronel como candidato único à Presidência.

A Assembleia Legislativa da Bahia vai eleger hoje, em sessão marcada para começar às 14h30, a nova Mesa Diretora para o biênio 2017-2019. O deputado Ângelo Coronel (PSD) figura como candidato único à presidência. O atual presidente da Casa, deputado Marcelo Nilo (PSL), anunciou ontem à noite que não vai concorrer à reeleição (conforme comunicado abaixo). Luiz Augusto (PP), que também postulava o cargo,   já havia anunciado apoio ao pessedista na tarde de ontem.

O deputado Marcelo Nilo presidirá o processo de votação e ficará responsável  por  convocar os  integrantes das legendas com as maiores representações da Assembleia para ocupar a primeira e a segunda secretarias – PT e PSD. A votação para eleger o presidente será a primeira a ser realizada, seguida das quatro vice-presidências e das quatro secretarias.

A votação secreta se dará através de chamada nominal (em ordem alfabética) dos votantes para cada um dos nove cargos, de acordo com a hierarquia dos postos em disputa. Cada parlamentar depositará o voto em urna específica para escolher cada um dos novos eleitos. Tanto as cédulas quanto os envelopes serão rubricados pelos dirigentes da sessão e pelos integrantes da Mesa Diretora. A apuração dos votos será imediata, cabendo ao presidente dos trabalhos instituir uma comissão suprapartidária com essa finalidade.

Qualquer deputado pode se inscrever para disputar vaga na Mesa de forma avulsa até o início do processo de votação e, caso exista acordo,  uma votação em cédula única pode acontecer – agilizando o processo de votação e a escrutinação. Regimentalmente, é prevista ainda a chamada de ausentes a cada votação.

Serão considerados nulos os votos que possuam rasuras, marcas ou sinais que permitam identificação. Também é vedada a colocação de mais de uma cédula em mais de um envelope. Para preservar o sigilo do voto já foram retiradas das proximidades do local de votação as câmeras de segurança do plenário e as utilizadas pela TV Assembleia para transmissão das sessões.

Proclamado o resultado, o presidente eleito e o primeiro e segundo secretários assumirão seus postos e o novo presidente fará a convocação do Legislativo para a sessão solene de reabertura dos trabalhos, no dia seguinte, às 10h, que contará com a presença do governador Rui Costa.

Comunicado de desistência de Marcelo Nilo, atual presidente da ALBA

Deixo a Presidência da Assembleia sem uma mácula e não encaro a saída do honroso cargo como um “retorno à planície” | Por Marcelo Nilo

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 121963 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.